Peça ‘Borboleta Azul’ volta ao cartaz no Pessoal do Faroeste

Peça ‘Borboleta Azul’ volta ao cartaz no Pessoal do Faroeste

SÃO PAULO – O drama escrito pelo dramaturgo Paulo Faria, que entra em temporada no Teatro da Cia. Pessoal do Faroeste a partir do próximo sábado, 19,  é ambientado em uma área rural do Brasil e traz elementos do romance O Estrangeiro, de Albert Camus, além de influências da obra de Guimarães Rosa. Com abordagem sensível (e que dispensa as referências intelectuais), Paulo Faria conta a história de mãe e filha que moram em uma pensão decadente, em uma cidade ameaçada pela construção de uma usina.

A mãe, a amarga Cora (interpretada pela atriz Juliana Fagundes), e a filha caçula, Belbelita (Thais Aguiar), além de clientes, esperam uma visita. Há 30 anos, a mãe vendeu seu primogênito para que ele enriquecesse e voltasse para buscá-las. Surge um misterioso hóspede (Beto Magnani), viajante interessado em comprar as terras próximas à futura hidrelétrica, que pode ser a chave para que elas possam deixar a cidade.

Intimista, poética e, ao mesmo tempo, melodramática, Borboleta Azul aborda o universo mítico do Brasil sertanejo. A época é indefinita e a geografia, imprecisa; sabemos apenas que o lugarejo onde se encontra a pensão de Cora (Juliana Fagundes) e sua filha Belbelita (Thaís Aguiar) será inundado pelas águas de uma represa. Os demais moradores já partiram, mas as duas mulheres permaneceram ali, à espera do retorno incerto de José, filho de Cora, vendido a estranhos quando tinha 8 anos. Nesses anos todos, Belbelita cultiva um jardim na solidão e esperança de que as flores atraiam borboletas azuis para sua coleção. 

Ficha Técnica:

Texto e direção : Paulo Faria

Elenco: Beto Magnani (viajante), Juliana Fagundes (Cora) e Thaís Aguiar (a filha Belbelita)

Técnico de luz: Tomate Saraiva

Assistente de direção: Leona Jhovs

Coordenação de Produção: Andressa Oliveira

Produção Executiva: Luana Almeida

Cia. Pessoal do Faroeste

(11) 3331.8943

Rua do Triunfo, 305, Luz

www.pessoaldofaroeste.com.br

Borboleta Azul

ESTREIA: 19/01/2019 às 21h

EM CARTAZ: Sábados de 19/01/2019 a 20/04/2019 sempre as 21h

Duração: 70 minutos

Lotação: 40 lugares (Bilheteria abre 30 min antes das sessões, as 20:30h)

Com Beto Magnani, Juliana Fagundes e Thaís Aguiar

Direção: Paulo Faria

Direção e composição Musical: Felipe Chacon

Sistema Pague quanto puder

Kyra Piscitelli

Kyra Piscitelli é jornalista formada pela Universidade Metodista de São Paulo e fez pós-graduação em Globalização e Cultura pela Faculdade de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP). Escreve sobre teatro e arte desde de 2009. Integra os Juris da Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA) e do Prêmio Aplauso Brasil. Ávida por conhecimento, se não está em viagem ou estudo, só há um lugar para achá-la: o teatro!

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado