A voz mítica de Macbeth

Nanda Rovere, especial para o Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

Marcelo Antony protagoniza "Macbeth"

SÃO PAULO – Segundo o diretor Gabriel Villela, sua encenação de Macbeth, cuja estreia para convidados será às 21h30 desta quinta-feira (31), no Teatro Vivo, está com suas bases centradas na voz dos atores e nas palavras de Shakespeare, autor da peça.

Para ajudar o elenco na interpretação do texto, a produção contou com a colaboração de Francesca della Monica, Ernani Maletta e Babaya, sendo os dois últimos parceiros que já vem trabalhando com Villela com resultados pra lá de positivos.

Francesca faz um trabalho de espacialização da voz e de abertura da textura vocal para o campo dos mitos, uma prática que denomina de antropologia da voz. Exercícios que evocam o campo mítico da encenação.

“A voz é ampla, como se o ator fosse onipresente no campo mítico entre a plateia e o ator”, explica Gabriel Villela.

Marco Antônio Pâmio conta que Francesca, aliada à estética do Gabriel, faz com que a plateia desenhe as imagens enquanto ouve os atores.

"Macbeth"

“Uma aproximação do que possivelmente Shakespeare propunha em sua época”, afirma o ator.

Elenco:

Macbeth – Marcello Antony

Lady Macbeth- Claudio Fontana

Duncan / Macduff- Helio Cicero

Banquo / Dama de Companhia- Marco Antônio Pâmio

Narrador – Carlos Morelli

Bruxa 1 / Nobre- José Rosa

Bruxa 2/ Malcolm / Ross – Marco Furlan

Bruxa 3/ Donalbain / Angus / Velho / Mensageiro/ Porteiro- Rogério Brito

Ficha técnica

Texto – William Shakespeare. Tradução – Marcos Daud. Colaboração – Fernando Nuno. Direção e adaptação – Gabriel Villela. Assistência de Direção – César Augusto, Ivan Andrade e Rodrigo Audi. Figurinos – Gabriel Villela e Shicó do Mamulengo. Cenografia – Marcio Vinicius. Iluminação– Wagner Freire. Antropologia da voz- Francesca Della Monica. Direção de texto – Babaya. Musicalidade da cena – Ernani Maletta. Trilha Sonora – Gabriel Villela. Direção de Movimento – Ricardo Rizzo. Adereços- Shicó do Mamulengo e Veluma Pereira. Apliques e patchwork – Giovanna Vilela. Costureira- Cleide Mezzacapa Hissa. Maquiagem para ensaio fotográfico – Eliseu Cabral. Assistência de Maquiagem para ensaio fotográfico- Patricia Barbosa. Coordenação do Ateliê- José Rosa e Veluma Pereira .Assistência de Cenografia – Julia Munhoz. Cenotécnicos- Jean Carlos e Evandro Nascimento. Diretor de Palco- Alex Peixoto. Operador de luz- Marcelo Violla. Camareira – Marlene Collé. Assessoria de Imprensa- Arteplural – Fernanda Teixeira. Fotografia- João Caldas. Assistência de fotografia – Andréia Machado. Fotografias de ensaio / making of – Dib Carneiro Neto e João Caldas. Programação Visual- Dib Carneiro Neto, Jussara Guedes e Suely Andreazzi. Assistente de Produção Julia Portella e Lucimara Santiago. Produção Executiva – Clissia Morais e Francisco Marques. Direção de Produção – Claudio Fontana

Serviço

Macbeth

Estreia de 1º de junho, sexta, 21h30, no Teatro VIVO – Avenida Doutor Chucri Zaidan, 860, Itaim / Vila Olímpia. Temporada – de sexta a domingo de 1º de junho a 22 de julho. Sex 21h30; Sáb 21h; Dom 19h. R$ 50 (sex e dom), R$ 70 (sab). 12 anos. Duração de 90 minutos. Serviço de valet – R$ 18,00. Capacidade: 290 lugares. Estacionamento com manobrista: R$15,00 (só dinheiro) Bilheteria: aberta de terça à quinta das 14h às 20h e  de sexta a domingo, das 14h até o início do espetáculo. Tel: 11 7420-1520. Aceita todos os cartões.

LEIA TAMBÉM

Gabriel Villela apresenta a sua versão para Macbeth

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado

*