ARTIGO: FESTIVAL DE CURITIBA SEGUE AS TENDÊNCIAS E APRESENTA MUSICAL BIOGRÁFICO DO CANTOR CHORÃO

Kyra Piscitelli*, do Aplauso Brasil (kyra@aplausobrasil.com)

"Dias de Luta, Dias de Glória – Charlie Brown Jr., ". Foto/crédito: divulgação
“Dias de Luta, Dias de Glória – Charlie Brown Jr., “. Foto/crédito: divulgação

CURITIBA – É moda. No Brasil, a febre dos musicais biográficos não tem fim. Grandes artistas da música que morreram foram levados ao palco. O musical Dias de Luta, Dias de Glória – Charlie Brown Jr., o musical chega de São Paulo para o Festival de Curitiba com a função de representar o gênero dos musicais biográficos que conquistaram os palcos e plateias do Brasil.

A fórmula tem feito sucesso e tem público cativo garantido: os fãs. Para dar certo? A receita parece ser uma: usar artistas que se assemelhem em aparência, estilo e voz com o homenageado. A única exceção, até então, foi a atriz Laila Garin que fez a cantora Elis Regina. Hoje, ela pode ser vista na novela Babilônia com sua fisionomia real.  Dz6, que faz o C.horão no musical lembra muito o artista

Outro ponto importante é a dramaturgia fraca. O forte são as músicas que tem a missão de fazer a plateia chorar em um passeio à memória.

"Dias de Luta, Dias de Glória – Charlie Brown Jr., ". Foto/crédito: divulgação
“Dias de Luta, Dias de Glória – Charlie Brown Jr., “. Foto/crédito: divulgação

A polêmica também é ponto garantido. Os grandes ídolos guardam na biografia um “q” de inconfessável. No musical sobre a Elis o fato da morte dela não ser mostrada foi razão de crítica. Em cazuza, o fato de mostrar Ney Matogrosso como namorado do astro foi aplaudido, já que isso tinha sido omitido no filme.

Dias de Luta, Dias de Glória – Charlie Brown Jr. também carrega polêmicas. As famílias de Chorão e Champignon, mortos em 2013 alegam não terem sido procurados para colaborar com o musical. Quem autorizou a produção foi a primeira mulher de Chorão, Thais Lima, e o filho Alexandre. Ele era casado (até poucos meses antes de morrer) com Graziela, há 15 anos.

Com Dias de Luta, Dias de Glória – Charlie Brown Jr. o modelo de musical biográfico, com todas essas características, chega ao Festival de Curitiba, assinando uma tendência brasileira, e apostando em um público enorme. A montagem vai para o Teatro Positivo: com mais de 2000 lugares.

No palco, os números também são grandes. São 25 atores e 10 músicos em uma pista de skate.

O Musical faz apresentação amanhã (01) e 2 de abril, no Teatro Auditório Positivo, em Curitiba. Volta para São Paulo e já tem temporada garantida no Rio de Janeiro

FICHA TÉCNICA

Direção                Bruno Sorrentino e Luiz Sorrentino

Dramaturgo       Well Rianc

Direção musical               S3 Produções artísticas

Coreografia         Guto Muniz

Gerente de produção     Luisa Cassab

Assistência de direção   Rodrigo Burgese

Produção             Gustavo Hernandes

Assistência de produção              Isabella Crescenti e Cinthya Pelliciari

Cenário                S3 Produções Artísticas

Figurino              New Era

Visagismo e assessoria de imagem de Elenco     Lua Harumi

Coreografia de skates     Matheus Ribeiro

Preparação de elenco     Cadu Witter

Company manager         Carol Weingrill

Design de luz    Tie Valente

Design de som  Rafael Caetano & Felipe Malta

Production stage manager          Luisa Cassab

Stage manager  Rose Cersosimo

Assistant stage manager              Gustavo Cacciaguera

Direção financeira           Denise Tabelini

Assessoria de imprensa                Grazi Pisacane

Patrocínio           Gamaro

Co-patrocínio    New Era

Apoio cultural   A Broadway é Aqui! , Paris 6 e Pizzaria 1900

Elenco  Ari Cegatto, Bruno de Castro, Caio Roque, Carol Fernandes, Carolina Oliveira, Carolina Rocha, Charles Damásio, Diego Fontes, Eddy Lima, Fernando Reis, Gabriela Germano, Gustavo Della Serra, Gustavo Mazzei, Juliana Lucilla, Julio César, Júlio Oliveira, Léo Sena, Letícia Scopetta, Luis Navarro, Marco Antonio Moreira, Matheus Severo, Murilo Armacollo, Nina Sato, Patrícia Coelho e Rodolfo Martins

Confira mais do Festival de Curitiba no site: www.festivaldecuritiba.com.br

Para saber mais sobre o Musical acesse http://www.cbjrdiasdelutadiasdegloriaomusical.com/

*Kyra Piscitelli, editora assistente do Aplauso Brasil, viajou para Curitiba a convite do Festival.

Kyra Piscitelli

Kyra Piscitelli é jornalista formada pela Universidade Metodista de São Paulo e fez pós-graduação em Globalização e Cultura pela Faculdade de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP). Escreve sobre teatro e arte desde de 2009. Integra os Juris da Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA) e do Prêmio Aplauso Brasil. Ávida por conhecimento, se não está em viagem ou estudo, só há um lugar para achá-la: o teatro!

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado

*