Crônica: eu mudei

― Senhor Fábio, os dados são divergentes. Não posso dar continuidade nessa operação! ― disse o caixa. ― Impossível! ― respondeu o cliente com um sorriso no rosto. ― É o cheque…

Crônica: Caio

EM REDE – São Paulo. Avenida Faria Lima. Um prédio qualquer. Nono andar. Funcionário novo. Caio chegou às nove horas e arrumou a mesa com uma paciência intrigante – o que demorou…