BOAS-VINDAS AO CENTRO COMPARTILHADO DE CRIAÇÃO

Michel Fernandes, para o Aplauso Brasil (michel@aplausobrasil.com)

45 MINUTOS
45 MINUTOS

SÃO PAULO – A cada novo espaço cultural que desponta sob o céu da cidade é como se aquilo que acreditamos ser transformador, a arte, se fortalecesse. Assim, nós do Aplauso Brasil, damos as boas-vindas ao Centro Compartilhado de Criação (CCC) que abre as portas, com uma programação pra lá de especial em sua semana de estreia, nesta quarta-feira (25), a partir das 19h30, com a abertura da exposição Inquietudes de um mundo em mim, com obras do artista Hélio Moreira Filho, que também fará a curadoria do espaço de exposição do CCC.

STELLA DO PATROCÍNIO
STELLA DO PATROCÍNIO

Concebido pelo ator Caco Ciocler e pelo produtor Ricardo Grasson, curadores artísticos do espaço, o CCC é um amplo galpão, 1.200m², preparado para abrigar shows, espetáculos teatrais, festas, além de funcionar como sala de ensaio (esse ano já passaram por lá 1 Gaivota, Mantenha Fora do Alcance do Bebê, Nuvem de Lágrimas, O Camareio, entre outros), estúdio de coworking e oficina de figurino e cenário. O local também conta com um café e poderá abrigar exposições de artes plásticas e fotografia.

f. inauO que chama a atenção pela inovação da proposta é que, apesar de filiar-se à modelos de sedes de companhias teatrais européias, como a Cartoucherie de Vincennes do Théâtre du Soleil, é que diversos artistas e grupos, de todo o país e, até, de fora (caso da consulta da produção da Mostra Internacional de Teatro de São Paulo – MITsp para que o local abrigue atividades formativas do mesmo), encontrarão no CCC abrigo.

Caco Ciocler salienta que acredita que a capital paulista “ precisasse de um espaço que não só apresentasse à cidade uma programação de qualidade, mas que também fosse um local para que artistas pudessem produzir de maneira centralizada e com calma”.

“Também podemos receber artistas para fazerem residência e ser um espaço para difundir conhecimento”, completa Caco Ciocler

O produtor e ator Ricardo Grasson ressalta que os atributos físicos do espaço (como o pé direito de sete metros) são um diferencal.

PLANO SOBRE QUEDA
PLANO SOBRE QUEDA

“Temos uma altura que permite as produções ensaiarem com o seu cenário. Com isso, as peças já chegam ao público com o elenco familiarizado com todos os elementos cênicos. O espaço ainda dispõe de oficinas para confecção de figurino e cenografia, assim, temos condições de receber toda as fases de uma produção aqui. Nossa ideia é que o espaço seja também um ponto de encontro para a classe artística de São Paulo”, explica Ricardo Grasson.

A ideia dos sócios é que a população da Barra Funda também esteja envolvida e adote a casa. Eles estão estudando uma proposta de descontos para os moradores da região em toda a programação, que, a partir do primeiro trimestre de 2016, passa a ter atrações regularmente.

Que venha o CCC e brilhe na constelação paulistana!

CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS SOBRE A PROGRAMAÇÃO DE ABERTURA DO CCC

CENTRO COMPARTILHADO DE CRIAÇÃO – Programação de abertura – De 25 a 29 de novembro, quarta-feira a domingo. Exposição, teatro e show/festa. Rua James Holland, 57 – Barra Funda. Telefone – (11) 3392-7485. Facebook –https://www.facebook.com/CCC-Centro-Compartilhado-de-Criação Diretor Geral – Ricardo Grasson. Curadores –  Caco Ciocler e Ricardo Grasson. Produtores Membros –  Caio Pelissari, Cícero Andrade, Frann Ferraretto, Ivy Souza, Martina Gallarza, Felipe Costa, Vivian Vineyard e Fernando Fado. Assistente administrativa –  Ivy Souza. Designer Visual –  Laerte Késsimos. Fotos – Leekyung Kim. Projeto de Som –  L. P. Daniel. Projeto de Luz –  Jota Michilis.Cenotécnico –  Diego Dac e Saulo Santos. Assessoria de Imprensa – Nossa Senhora da Pauta.

 

VERNISSAGE DA EXPOSIÇÃO INQUIETUDES DE UM MUNDO EM MIM –Artista Hélio Moreira Filho. Dia 25 de novembro, quarta-feira, às 19h30. Grátis. Livre.

 

PEÇA ENTREVISTA COM STELA DO PATROCÍNIO – Dia 26 de novembro, quinta, às 21 horas. Direção – Georgette Fadel e Lincoln Antonio. Elenco – Georgette Fadel, Lincoln Antonio e Juliana Amaral. Música – Lincoln Antonio. Luz– Julia Zakia. Figurinos – Silvana Marcondes. Produção – Núcleo de Cientista.Duração – 70 minutos. Indicado para maiores de 12 anos. Ingressos – R$ 40,00 e R$ 20,00 (meia-entrada). Capacidade – 100 lugares.

 

PEÇA PLANO SOBRE QUEDA – Dias 27 e 28 de novembro, sexta-feira e sábado, às 21 horas. Direção e Cenário – Miwa Yanagizawa. Texto – Emanuel Aragão. Elenco – Camila Márdila, Breno Nina e Liliane Rovaris. Assistência de Direção – Catarina Dall’orto. Iluminação – Vitor Emanuel. Figurino – Liliane Rovaris e Camila Márdila. Operação de Som e Projeções – Pedro Yudi. Direção de Produção – Martina Gallarza. Produção Executiva – Laura Severo. Programação Visual – Cauê Novaes. Fotos – Bruno Mello, Claudia Elias, Alexandre Nunis e Diego Garcia. Realização – AREAS Coletivo de Arte. Duração – 100 minutos. Indicado para maiores de 14 anos. Ingressos  – R$ 40,00 e R$ 20,00 (meia-entrada). Capacidade – 100 lugares.

 

SHOW #NÃORECOMENDADOS seguido de festa – Dia 28 de novembro, sábado, às 23 horas. DJs convidadas – Carla Zanini, Angela Ribeiro e Luisa Micheletti. Entrada (com consumação) – R$ 50,00. Indicado para maiores de 18 anos. Capacidade – 300 pessoas.

 

PEÇA 45 MINUTOS – Dia 29 de novembro, domingo, às 20 horas. Texto – Marcelo Pedreira. Direção, Cenografia e Iluminação – Roberto Alvim. Elenco – Caco Ciocler. Figurino, Preparação Vocal e Corporal – Juliana Galdino.Assistência de Direção – Ricardo Grasson. Trilha Sonora original – F Ribeiro.Camareira/Contra regra – Cedelir Martinusso. Operador de luz – Ricrado Grasson.Operador de som – Fernando Gimenes. Operador do Cronômetro – Diego Martins.Produção – Marcelo Chaffin. Direção de Produção – Miriam Juvino. Assistente de Produção – Danielle Cabral. Fotografia e arte gráfica – Edson Kumasaka.Fotografia de cena – Guga Melgar. Design Gráfico – Phillipe Leon. Duração – 60 minutos. Indicado para maiores de 14 anos. Ingressos – R$ 40,00 e R$ 20,00 (meia-entrada). Capacidade – 100 lugares.

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.