BRUCE GOMLEVSKY APRESENTA “UMA ILÍADA” NO SESC POMPÉIA.

Fernando Pivotto, para o Aplauso Brasil (fernando@aplausobrasil.com)

UMA ILÍADA
UMA ILÍADA

SÃO PAULO – O espetáculo, baseado na Ilíada, conta com dramaturgia dos americanos Lisa Peterson e Denis O’Hare e tem Gomlevsky como ator e diretor. Em curta temporada, a peça fica em cartaz de 07 a 31 de janeiro.

A Ilíada, um dos textos fundamentais da literatura ocidental, ganha os palcos do Sesc Pompeia no mês de janeiro. Com tradução de Geraldo Carneiro, o espetáculo busca a tradição dos antigos contadores de história, a fim de se conectar com os elementos mais essenciais do teatro e de se comunicar diretamente com o espectador.

Acompanhado pela contrabaixista Alana Alberg, Gomlevsky faz uma releitura dos antigos aedos, artistas andarilhos da Grécia Antiga, que cantavam poemas homéricos enquanto acompanhados por algum instrumentista.

Ao mesmo tempo, a montagem tem a preocupação de apresentar a história da Guerra de Troia ao mundo contemporâneo, abordando temas atuais como a disputa entre valores materiais e morais, a sede pela guerra e suas consequências.

UMA ILÍADA
De 7 a 31 de janeiro. Sexta e sábado, às 21h e domingo, às 19h.
Ingressos: R$ 25,00 (inteira), R$ 12,00 (meia) e R$ 7,50 (credencial plena)
Local: Sesc Pompéia. Rua Clélia, 93.

Ficha Técnica
Dramaturgia:
Lisa Peterson e Denis O’Hare
Tradução: Geraldo Carneiro
Direção e Atuação:
Bruce Gomlevsky
Contrabaixista: Alana Alberg