Cia. Razões Inversas estreia Anatomia Woyzeck no CCSP

Redação do Aplauso Brasil (redacao@aplausobrasil.com.br)

"Anatomia Woyzeck"
“Anatomia Woyzeck”

SÃO PAULO – Anatomia Woyzeck estreia quarta-feira (10), 21h, no Centro Cultural São Paulo (CCSP). À partir de Woyzeck, peça inacabada de Büchner, a companhia Razões Inversas concebeu  dramaturgia da peça que tem direção, cenografia, iluminação e figurinos de Marcio Aurelio, sendo o elenco composto por Clóvis Gonçalves, Paulo Marcello e Washington Luiz.

O espetáculo  encerra a trilogia Anatomia Comparada da Companhia Razões Inversas, que encenou com sucesso Agreste, em 2004, e Anatomia Frozen, em 2009, obras que tratam da natureza da mente humana. Todas falam de atos violentos que podem  acarretar a anulação da humanidade no ser humano.

As histórias contadas nos três textos questionam a responsabilidade moral do indivíduo em relação aos seus atos e a condenação do próximo e em Anatomia Woyzeck, a partir de fragmentos de Woyzeck, são retratados fatos reais de um assassinato passional ocorrido na Alemanha.

O objetivo do projeto é discutir questões sociais através da arte, formar público e possibilitar que pessoas de áreas com baixo IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) e alto IVJ (Índice de Vulnerabilidade Juvenil), tenham acesso ao teatro.

Para tanto, antes da estreia no Centro Cultural São Paulo, foram agendadas apresentações em 9 distritos da capital paulista, com a discussão de temas contidos na obra após as encenações.

Além do espetáculo e dos debates ( com especialistas das áreas da saúde, do direito e da educação), a Companhia promove também oficinas na qual os participantes terão a oportunidade de conhecer o processo de trabalho de Marcio Aurélio e dos atores.

Sobre a  Cia Razões Inversas

Criada em 1990 pelo premiado diretor Marcio Aurelio e pela primeira turma de formandos do curso de artes cênicas da UNICAMP, a Companhia Razões Inversas obteve o reconhecimento da qualidade de seu trabalho pela crítica, pelo público e por diversas premiações que acompanham suas criações como as premiadas Agreste, Anatomia Frozen, Senhorita Else, A Bilha Quebrada, A Arte da Comédia, entre tantos espetáculos apresentados no Brasil e no exterior.

Em 2012, a Companhia Razões Inversas completa vinte e dois anos de existência, mantendo como principal característica uma metodologia de trabalho voltada para o constante processo de formação técnica e intelectual dos intérpretes e demais artistas, criando um ambiente de pesquisa e posicionamento ativo do ator, investigador das possibilidades de eficiência e qualidade da expressão cênica.

Ficha Técnica:

Anatomia Woyzeck
Dramaturgia: Cia Razões Inversas

Encenação: Marcio Aurelio

Assistente de direção: Lígia Pereira

Elenco:

Clóvis Gonçalves

Paulo Marcello

Washington Luiz

Cenografia e Figurinos: Marcio Aurelio

Iluminação: Marcio Aurelio

Trilha sonora: Cia Razões Inversas

Preparação voz e canto: Day Porto

Operação de Luz e Som: André Lemos

Fotografia: João Caldas

Assessoria de imprensa: Adriana Monteiro – Ofício das Letras

Assistente de produção: Maria Seckler

Produção e monitoria distritos: Maria Stella Tobar

Direção de produção: Paulo Marcello

Realização: Razões Inversas Marketing Cultural

 

Serviço:

ANATOMIA WOYZECK

Estreia dia 10 de maio, sexta-feira, às 21h

Centro Cultural São Paulo

Rua Vergueiro 1000 – Paraíso São Paulo – SP

Tel. para informações: 11 3397 4002

Sala Jardel Filho – 321 lugares

Preços: R$ 10,00 e R$ 5,00. Dia 31/05 a R$ 2,00.

Duração:60 minutos

Indicação de faixa etária:14 anos

Temporada de oito semanas, até 30 de junho, sextas e sábados, às 21h e domingos, às 20h.

No dia 07 de junho (sexta-feira), excepcionalmente, o espetáculo não será apresentado em decorrência da ida de Agreste para o Porto, a convite das comemorações do Ano do Brasil em Portugal. 

 

 

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado

*