CINCO ANOS SEM PINA BAUSCH

Michel Fernandes, do Aplauso Brasil (michel@aplausobrasil.com)

PINA BAUSCH
PINA BAUSCH

SÃO PAULO – Em 30 de junho de 2009, cinco dias após ser diagnosticada com câncer, morria Pina Bausch, a bailarina e coreógrafa alemã que revolucionou a expressividade artística  mixando as linguagems da dança e do teatro em espetáculos antológicos como A Sagração da Primavera, Café Müller, Mazurca Fogo, Água, Vollmond (Lua Cheia), entre tantas outras. Hoje, cinco anos depois de nos despedirmos de Pina, a sua companhia, Pina Bausch Tanztheater Wuppertal continua a apresentar as peças do repertoria da Mestra de olhos verdes, profundos, enigmáticos e atentos. Evoé Pina Bausch e obrigado, MUITO OBRIGADO, por tudo!

PINA BAUSCH em CAFÉ MÜLLER
PINA BAUSCH em CAFÉ MÜLLER

As coreografias criadas por Pina dizem muito mais  dos adjetivos que’ u escreveria aqui, portanto ofereço uma coreografia que encontrei, na íntegra, no youtube: Café Müller (1978)  que assisti, na Temporada de Dança do Teatro Alfa 2009, alguns meses depois do falecimento da bailarina e coreógrafa.

CAFÉ MÜLLER

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado