CONFIRA A LISTA DOS FINALISTAS AO PRÊMIO APLAUSO BRASIL PELO 1º SEMESTRE DE 2015

Michel Fernandes, do Aplauso Brasil (michel@aplausobrasil.com)

URINAL, O MUSICAL - um dos mais indicados
URINAL, O MUSICAL – um dos mais indicados

SÃO PAULO – Começo com um sincero pedido de desculpas pela demora na divulgação da lista dos finalistas da 4ª edição do Prêmio Aplauso Brasil de Teato que, conforme divulgamos, segue uma nova dinâmica, a que chamamos DINÂMICA COMPARTILHADA e significa o entrelaçamento dos votos públicos, o que já era comum nas edições anteriores, com o voto, para as indicações, do CONSELHO e da COMISSÃO JULGADORA. Depois das indicações, os seis nomes foram colocados em votação pública, sendo o  mais bem votado incluído automaticamente entre os três finalistas. Os outros dois finalistas foram avaliados, pela COMISSÃO JULGADORA (votaram Júlio César Dória, Kyra Piscitelli e Michel Fernandes), entre os outros cinco indicados, e compõem a lista abaixo.

 CLIQUE AQUI PARA SABER MAIS

 

MELHOR ILUMINAÇÃO – 1º SEMESTRE

  • Fran Barros por “Urinal, O Musical”
  • Maneco Quinderé por “A Hora Amarela”, direção Monique Gardenberg
  • Caetano Vilela por “Dias de Vinho e Rosas”, direção Fábio Assunção

MELHOR ARQUITETURA CÊNICA – 1º SEMESTRE

  • Moshe Motta por “Aqui Estamos com Milhares de Cães Vindos do Mar”, direção Rodrigo Spina
  • Daniela Thomas por “A Hora Amarela”, direção Monique Gardenberg
  • Matt Kinley por “Chaplin, O Musical”

MELHOR FIGURINO – 1º SEMESTRE

  • Bia Pieratti e Carolina Reissman por “Juliette”
  • Fábio Namatame por “Chaplin, O Musical” e “Dias de Vinho e Rosas”
  • Fause Haten por “Um Bonde Chamado Desejo”

MELHOR TRILHA ORIGINAL – 1º SEMESTRE

  • Daniel Maia por “1 Gaivota, é impossível viver sem teatro”
  • Egberto Gismonti e Ricardo Severo por “Dias de vinho e rosas”
  • Miguel Briamonte por “Aula Magna Com Stálin”

MELHOR DRAMATURGIA – 1º SEMESTRE

  • Silvia Gomez por “Mantenha Fora do Alcance do Bebê”
  • Jô Bilac por “Beije Minha Lápide”
  • José Eduardo Vendramini por “Cartas Libanesas”

MELHOR DIRETOR – 1º SEMESTRE

  • Rodrigo Spina por “Aqui Estamos com Milhares de Cães Vindos do Mar”
  • Gustavo Paso por “Oleanna”
  • Zé Henrique de Paula por “Urinal, O Musical”

MELHOR ELENCO – 1º SEMESTRE

  • “Juliette”, direção Rodolfo García Vázquez – Bel Friósi, Bruna Guimarães, Daiane Brito, Diego Ribeiro, Eric Barros, Felipe Moretti, Fernando Soares, Flavio Sales, Janaína Arruda, Lenin Cattai, Lucas Allmeida, Renato Lima, Ren’Art, Ricardo Fernandes, Rodrigo Banks, Sabrina Denóbile, Silvio Eduardo, Stephane Sousa
  • “Aula Magna Com Stálin”, direção William Pereira – Jairo Mattos, Luiz Damasceno, Carlos Palma e Felipe Folgosi
  • “Oleanna”, direção Gustavo Paso – Marcos Breda, Luciana Fávero e Miwa Yanagizawa

MELHOR ATOR COADJUVANTE – 1º SEMESTRE

  • Beto Sargentelli por “Mudança de Hábito”
  • Daniel Costa por “Urinal, O Musical”
  • Rodrigo Pandolfo por “Galileu Galilei”

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE – 1º SEMESTRE

  • Myra Ruiz por “Nine, Um Musical Felliano”
  • Luciana Ramanzini por “Urinal, O Musical”
  • Paula Capovilla por “Chaplin, O Musical”

MELHOR ATOR – 1º SEMESTRE

  • César Mello por “Mudança de Hábito”
  • Gustavo Gasparani por “Ricardo III”
  • Léo Bahia por “Chacrinha, O Musical”

MELHOR ATRIZ – 1º SEMESTRE

  • Nicole Cordery por “Ato a Quatro”
  • Débora Falabella por “Mantenha Fora do Alcance do Bebê”
  • Maria Luisa Mendonça por “Um Bonde Chamado Desejo”

DESTAQUE – 1º SEMESTRE

  • Projeto Palco – Projeto Social Para Arte, Lazer, Cultura e Orientação – por utilizar o teatro como ferramenta de transformação pessoal e desenvolvimento social há 14 anos em comunidades, escolas públicas e organizações sociais e por ter criado a Cia de Teatro Vizinho Legal, berço de inúmeros coletivos culturais.
  • Mostra de Dramaturgia em Pequenos Formatos Cênicos do Centro Cultural São Paulo
  • Terça Tem Teatro – Instituto Itaú Cultural

MELHOR ESPETÁCULO DE GRUPO – 1º SEMESTRE

  • “Juliette”, Os Satyros
  • “Oleanna”, Cia de Teatro Epigenia
  • “Valéria e os Pássaros”, Velha Companhia

MELHOR ESPETÁCULO DE PRODUÇÃO INDEPENDENTE – 1º SEMESTRE

  • “Galileu Galilei”, direção Cibele Forjaz
  • “Beije Minha Lápide”, direção Bel Garcia
  • “Mantenha Fora do Alcance do Bebê”, direção Eric Lenate

MELHOR ESPETÁCULO MUSICAL – 1º SEMESTRE

  • “Mudança Hábito”, Time For Fun
  • “Chaplin, O Musical”, Chaim XYZ Produções e Raia Produções Artísticas
  • “Urinal, O Musical”, Núcleo Experimental

 

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.