CONSCIENTIZAÇÃO E ARTE NAS ‘SATYRIANAS’ 2015

Kyra Piscitelli, do Aplauso Brasil (kyra@aplausobrasil.com)

satySÃO PAULO – Com o tema Caldeirão de Culturas, As Satyrianas tomam conta da cidade com muito teatro, música, comida e dança. Em 72 horas de arte, o Festival já é tradição. E, como os frequentadores já bem sabem, em boa parte das atrações quem escolhe quanto quer pagar é o público. O centro da festa é a Praça Roosevelt, onde Os Satyros – criadores da ideia – tem sede. O evento começou ontem (19), às 18h, e vai até domingo (22). Por isso, ainda dá tempo de correr para curtir a programação.

O tema do ano também chama para a responsabilidade de respeitar a diversidade que coexiste tanto na arte como na cidade. Além das peças, performances e outras atividades, o público poderá participar de debates para discutir o assunto. Outros bate-papos trazem a arte à cena com grandes nomes como o dramaturgo Mario Viana.

Entre os destaques, está a participação da atual campeã do carnaval de São Paulo, a Vai-Vai. A escola trará o enredo vencedor sobre a cantora Elis Regina e o do próximo ano sobre a França.

No DramaMix leituras e apresentação de textos teatrais também prometem movimentar o evento. As AutoPeças, que acontecem em carros parados ou em movimentos, voltam para provar que o palco pode estar em qualquer lugar.

Quem é fã de cinema, tem o SatyriCine com filmes da cena independente. Para a hora que a fome bater, uma feira gastronômica, na Praça Roosevelt, oferece 12 barracas com tipos de comidas variadas para o público.

O evento criado pelos fundadores dos Satyros, Ivam Cabral e Rodolfo García Vásquez, bateu recorde de público no ano passado e, busca, por mais um ano pautar a movimentar a rotina da cidade de São Paulo no feriado da Consciência Negra.

Para conferir a programação acesse: http://satyrianas.com.br/

Kyra Piscitelli

Kyra Piscitelli é jornalista formada pela Universidade Metodista de São Paulo e fez pós-graduação em Globalização e Cultura pela Faculdade de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP). Escreve sobre teatro e arte desde de 2009. Integra os Juris da Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA) e do Prêmio Aplauso Brasil. Ávida por conhecimento, se não está em viagem ou estudo, só há um lugar para achá-la: o teatro!

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado

*