Correspondência entre Tchekhov e Olga é tema de peça

Redação do Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

"Tomo Suas Mãos Nas Minhas" agora em São Paulo

SÃO PAULO – O espetáculo Tomo Suas Mãos Nas Minhas iniciou hoje sua temporada paulistana, no Teatro Anchieta,no SESC Consolação. A obra, baseada na correspondência do autor Anton Tchekhov e da atriz Olga Knipper, teve quatro indicações ao Prêmio Shell em sua 23ª edição e traz em sua bagagem temporadas bem-sucedidas pela Europa e outros países da América, no Brasil, o texto de Carol Rocamora é inédito no Brasil.

Dirigida e adaptada pr Leila Hipólito, a peça narra o encontro de Tchekhov e Olga na leitura de A Gaivota no Teatro de Arte de Moscou. Durante muito tempo, o dramaturgo teve que se manter distante de sua amada. A situação provocou uma intensa troca de cartas entre os dois. Contam-se o total de 400 cartas ao longo de seis anos de convivência. A história dos amantes é interrompida com a precoce morte do autor.

O escritor Anton Tchekhov e a atriz Olga Knipler

Segundo a produtora de Tomo Suas Mãos Nas Minhas, Vittoria Zanotto Duailibi, esse trabalho mostra a faceta da vida de um dos maiores dramaturgos da história do teatro.

“Essa obra possui várias camadas de compreensão podendo ser interpretada tanto como uma história de amor, passando pelo processo de angústia e criação do autor”, afirma.

O elenco conta com Roberto Bomtempo e Miriam Freeland. O texto é dirigido pela premiada diretora Leila Hipólito, vencedora de 4 Kikitos no Festival de Gramado em 1997 por Decisão.

Serviço:

Tomo Suas Mãos Nas Minhas

Até 18 de dezembro. Sextas e sábados, às 21h. Domingos, às 19h. Duração: 80 minutos. Preços: R$ 32,00 (inteira); R$ 16,00 (usuário matriculado no SESC e dependentes, +60 anos, estudantes e professores da rede pública de ensino). R$ 8,00 (trabalhador no comércio e serviços matriculado no SESC e dependentes).

Teatro Anchieta do SESC Consolação

Rua Dr. Vila Nova, 245.

Tel: 3234-3000

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.

1 comentário

Leave a Reply

Seu email não será publicado

*