Crítica: Costurar com o Coração é Fundamental

SÃO PAULO – Livremente inspiradas pelo conto A moça tecelã, de Marina Colasanti, e pela carta A tecelã, do tarô egípcio, as irmãs Débora Falabella e Cynhia Falabella mergulham no universo infantil e dirigem o espetáculo A minicostureira.

O conto traz a história de uma jovem tecelã que transforma em realidade tudo o que tece, e por isso reflete sobre a própria vida numa jornada constante de autoconhecimento.

Na trama, a garotinha Clara cria seu próprio mundo em meio a linhas, agulhas e tesouras. Nesse mundo vivem criaturas retalhadas por ela, como o peixe dourado Fidalgo, seu melhor amigo, e a santa protetora das minicostureiras.

Juntos, Clara, o peixe e a santa desejam realizar o maior sonho da menina, que logo vira um terrível pesadelo, envolvendo uma importante tomada de decisão. A mais difícil decisão de seus nove anos de idade vividos. Aquela que mudará o resto de sua vida.

Por meio de pesquisas que caminham pelo imaginário, pelo onírico, pela espiritualidade e também pela psicomotricidade, que integra fantasia e realidade, a peça levanta questões sensíveis e toca num campo pouco visitado na infância.

No elenco estão Frann Ferraretto, Bruno Ribeiro, Antoniela Canto e Mateus Monteiro. O ponto alto do espetáculo é a direção artística de Kleber Montaheiro, que acerta na escolha dos tecidos e na concepção do cenário-figurino – lúdico e bem adequado ao que pede a direção. Belíssima, a criação de luz é assinada por Aline Santini e Laiza Menegassi.

O teatro infantil ganha muito com atores e diretores bem-sucedidos em outras áreas da dramaturgia e da televisão. Para o artista, trabalhar com cultura para crianças significa um retrospecto e um próprio recomeço do pensamento sobre a arte, desde a própria infância. Trata-se de um caminho delicado e intenso, por onde a poesia e a imaginação sempre transitarão, apesar dos desafios de nossos tempos.

FICHA TÉCNICA

Texto: Frann Ferraretto
Orientação Dramatúrgica: Silvia Gomez
Direção: Cynthia Falabella
Co-Direção: Débora Falabella
Elenco: Antoniela Canto, Bruno Ribeiro, Frann Ferraretto e Mateus Monteiro
Assistente de Direção: Flávia Fernandes
Cenário e Figurino: Kleber Montanheiro
Trilha: Trio Pompéia – Chuck Hipólito, Thiago Guerra e Tiago Mago
Desenho de Luz: Aline Santini e Laiza Menegassi
Fotos e Vídeos: Leenkyung Kim
Design Gráfico: Alexandre Brandão
Operador de luz: Ian Bessa

Consultoria de Movimento: Leonardo Bertholini
Operação de Som: Chuck Hipólito e Bruna Moreti
Operação de Luz: Jefferson Bessa e Ian Bessa
Manipulação de bonecos: Gisele Pereira
Produção: Mesa2 produções Artísticas Ltda
Produção Executiva: Elisangela Monteiro
Direção de Produção: Roberto Monteiro e Fernando Cardoso
Adereços e Cabeças: Michele Rolandi
Bordados e Finalizações: Luma Yoshioka
Costureira: Creuza Medeiros
Cenotécnico: Agilson dos Santos
Visagismo: Louise Helèn
Assessoria de imprensa: Madalena Martins

 SERVIÇO

Gênero: Comédia Infantil
Duração: 60 minutos
Classificação Etária: Livre
Sábados e domingos, às 15h

INGRESSOS

Plateia: R$ 50,00 | R$ 25,00 (meia-entrada)
Balcão: R$ 40,00 | R$ 20,00 (meia-entrada)
Frisas: R$ 40,00 | R$ 20,00 (meia-entrada)

 

 

TEATRO PORTO SEGURO

Alameda Barão de Piracicaba, 740, Campos Elíseos – São Paulo.

Telefone: (11) 3226-7300

Quando: sábados e domingos, às 15h

Pamela Duncan, especial para o Aplauso Brasil (pameladuncandiretora@gmail.com)

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado