CRÍTICA: NÚCLEO EDUCATHO MODERNIZA CONTO INFANTIL EM “JOÃO E MARIA?”

Fernando Pivotto, para o Aplauso Brasil (fernando@aplausobrasil.com)

joao e mariaSÃO PAULO – Com piadas mirando adultos e crianças, grupo muda o contexto de João e Maria sem perder sua essência. A temporada segue até 01 de maio no Mube Nova Cultural.

Levar contos de fadas aos palcos é sempre uma tentativa arriscada. Não é raro encontrar diretores que cometem o erro abissal de pensar que peças infantis são fáceis e demandam menos trabalho, e assim entregam um espetáculo burro e malfeito. Existem, por sorte, aqueles que entendem as especificidades deste tipo de teatro e entregam um trabalho coeso e potente o suficiente para acender  – ou manter aceso – o interesse das crianças pelo teatro. Por sorte, João e Maria? , novo espetáculo do Núcleo Educatho, se encaixa na segunda categoria.

A premissa do espetáculo é simples, e ganha pontos por oxigenar a história clássica: levando uma vida errante desde que foi derrotada por João e Maria, a Bruxa (Livia Sales) decide gerenciar um food truck a fim de atrair novas vítimas, e acaba chamando a atenção de Grillo (Danielle Barros) e Luzinete (Nathalia Neme), casal de repentistas recorrente nas montagens do Núcleo desde sua primeira montagem, A Roupa Nova do Rei, de 2009.

Ainda que siga a história original praticamente à risca, a peça parece fresca por saber se inserir no contexto atual: a homenagem aos repentistas – e as referências a dramaturgos brasileiros como Suassuna e Luis Alberto de Abreu – é bonita e não soa forçada ou piegas, e as piadas sobre gourmetização e food trucks funcionam bem. Os atores também se mostram competentes ao embarcar no jogo de reimaginação. O destaque vai para a química entre Barros (a melhor do elenco) e Neme, que parecem se divertir em cena – e o mais importante: divertem a plateia.

Outro ponto alto no espetáculo é o cenário de Kleber Montanheiro, encantador por sua riqueza de detalhes e pela funcionalidade. As intervenções do músico Victor Meneghetti, por outro lado, nem sempre são tão precisas: se por um lado a sonoplastia feita ao vivo é criativa e dá à peça o tom de brincadeira que ela precisa, as canções compostas para o espetáculo não empolgam tanto.

Ainda assim, João e Maria? se mantém como uma boa opção de teatro para toda a família, dando atenção igualmente às crianças e adultos.

João e Maria?
Direção:
Daniela Mota e Juliano Barone
Texto: Núcleo Educatho
Elenco: Livia Sales, Danielle Barros, Nathalia Neme e Cassio Prado
Músico: Victor Meneghetti
Cenografia: Kleber Montanheiro

Serviço
Até 1º de maio. Sábados às 15h e domingos às 11h
Teatro MuBE Nova Cultural – Avenida Europa, 218- Jardim Europa
Ingressos: R$ 40,00 e R$ 20,00 (meia)