DICA: ESPETÁCULOS DE SUCESSO EM SÃO PAULO FAZEM APRESENTAÇÕES NO FESTIVAL DE CURITIBA

Kyra Piscitelli*, do Aplauso Brasil (kyra@aplausobrasil.com)

CURITIBA – Montagens de qualidade que passaram por São Paulo aterrissam em Curitiba e engrandecem programação do Festival, que é o maior do Brasil. Confira as dicas:

Espetáculo "Oh os belos dias". Foto de Jean-Charles
Espetáculo “Oh os belos dias”. Foto de Jean-Charles

Oh os belos dias –  Traz um Beckett pulsante. Um clássico pelas mãos de um grande estudioso do escritor: Rubens Rusche, que traduziu e dirigiu o espetáculo. Não bastasse a bela tradução e uma montagem que respeita o texto, A atriz Sandra Dani nos brinda com umas das mais brilhantes atuações que se viu em São Paulo, no ano de 2014. O que lhe rendeu, inclusive, uma indicação do Prêmio APCA como melhor atriz.  Ela está ao lado do ator Luiz Paulo Vasconcellos.

SINOPSE: Escrita em 1961 por Samuel Beckett, “Oh os belos dias” se passa num deserto banhado por uma luz clara e intensa. Uma mulher, Winnie, enterrada até a cintura. Brutalmente despertada por um som estridente e metálico, ela se dedica a suas tarefas cotidianas, como se sua situação fosse absolutamente normal, falando sem cessar com seu marido Willie, na maior parte do tempo calado e oculto por detrás do pequeno monte. O espetáculo é dividido em dois atos, com intervalo de 10 minutos

Leia crítica

SERVIÇO

Oh os belos dias

GÊNERO: DRAMA
CLASSIFICAÇÃO14 ANOS
DURAÇÃO110 MINUTOS
APRESENTAÇÕES
SESC DA ESQUINA
27/03 21:00
28/03 21:00

"Pessoas Perfeitas". Foto de André Stéfano
“Pessoas Perfeitas”. Foto de André Stéfano

Pessoas Perfeitas: Os Satyros, grupo de São Paulo, declaram seu amor à cidade e ao entorno que habitam com Pessoas Perfeitas. Conseguem fazer história com o cotidiano, discutir a cidade e transformar o invisível e decadente em poesia. O grupo achou no seu quintal a sua maior manifestação universal. Ganharam os prêmios de melhor espetáculo da APCA e o Shell de melhores autores, para os criadores e diretores da Cia. Ivam Cabral e Rodolfo García Vásquez.

SINOPSE: Medalha (Julia Bobrow) sai do interior para morar em São Paulo, fugindo da solidão depois da morte dos pais. Ela frequenta a Igreja das Pessoas Perfeitas com seu novo namorado, Binho (Henrique Mello), que é garoto de programa e já não fala com os pais (Eduardo Chagas e Marta Baião) há tempos. Seu pai conhece Sarah (Ivam Cabral), codinome de Ruy, no disque amizade. A irmã de Ruy, Maristela (Adriana Capparelli), teve sonhos de ser uma cantora reconhecida quando jovem. Hoje tem câncer de laringe e está fadada à morte. A peça lança um olhar sobre os moradores anônimos das grandes metrópoles que, apesar de suas diferenças abissais, acabam se encontrando e convivendo.

Leia crítica

SERVIÇO

Pessoas Perfeitas

GÊNERO: DRAMA

CLASSIFICAÇÃO: 16 ANOS

DURAÇÃO: 80 MINUTOS

APRESENTAÇÕES

TEATRO PAIOL

28/03 21:00

29/03 19:00

"Através de um espelho". Foto: divulgação
“Através de um espelho”. Foto: divulgação

Através de um espelho – Uma história do cineasta Ingmar Bergman que emociona e carrega a plateia a viajar junto com uma família em que saber o que é real ou reflexo é quase impossível. Um mistério e a vida de muito de nós no palco.  A direção de Ulysses Cruz é delicada como pede o texto. Um cenário incrível e belas atuações, incluindo a atriz Gabriela Duarte. É seu melhor papel no teatro.

SINOPSE: O universo do cineasta Ingmar Bergman, com toda a sua profundidade, é levado ao palco. O público penetra na relação de uma família de férias na praia. O pai é um escritor que ama os filhos, mas passou boa parte da vida focando na criação de uma obra prima, afastando-se deles. A filha mais velha serve como para-raios de todos, embora seja frágil psicologicamente. Seu marido, ressentido pela ausência de uma figura paterna, ignora o clima à sua volta e tenta protegê-la. O filho mais novo segue os passos profissionais do pai, temendo sua reprovação. Num jogo de espelhos, os personagens se refletem uns nos outros, buscando autoconhecimento e compreensão do mundo.

Leia crítica
*Feita pela Colaboradora do Aplauso Brasil Nanda Rovere

Através de um espelho

GÊNERO: DRAMA
CLASSIFICAÇÃO: 12 ANOS
DURAÇÃO: 75 MINUTOS
APRESENTAÇÕES
TEATRO DA REITORIA
29/03 19:00
30/03 21:00

*Kyra Piscitelli, editora assistente do Aplauso Brasil, viajou para Curitiba a convite do Festival.

Kyra Piscitelli

Kyra Piscitelli é jornalista formada pela Universidade Metodista de São Paulo e fez pós-graduação em Globalização e Cultura pela Faculdade de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP). Escreve sobre teatro e arte desde de 2009. Integra os Juris da Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA) e do Prêmio Aplauso Brasil. Ávida por conhecimento, se não está em viagem ou estudo, só há um lugar para achá-la: o teatro!