Espetáculo traz veteranos dos palcos e da TV no Teatro Frei Caneca

Nanda Rovere, do Aplauso Brasil (redacao@aplausobrasil.com)

A ÚLTIMA SESSÃO -foto de João Caldas
A ÚLTIMA SESSÃO -foto de João Caldas

SÃO PAULO –  A Última Sessão reúne artistas que traçaram a história da TV e do teatro no Brasil. O grandioso elenco conta com Laura Cardoso, Nívea Maria, Etty Fraser, Sonia Guedes, Sylvio Zilber, Miriam Mehler, Gésio Amadeu, Gabriela Rabelo, Yunes Chami e a participação especial de Marlene Collé, cantora, costureira, cabeleireira e camareira querida no meio teatral, e que cantou na inauguração do Teatro Nacional de Brasília. O texto é de Odilon Wagner, que assina a direção e idealizou o projeto. A estreia acontece quinta-feira (16), excepcionalmente às 21h00, no Teatro Frei Caneca, em São Paulo, e fica em cartaz até final de abril, quintas, às 16h00, sextas e sábados, às 21h, e domingos, às 18h.

A montagem, que fala da maturidade e do amor, mistura comédia e mistério. Apresenta um encontro entre amigos no Clube Inglês. A reunião, para um almoço de domingo, revela surpresas, situações bem-humoradas e momentos dolorosos.

Um dos participantes, um ator amargurado com o rumo que sua vida tomou, resolve fazer um acerto de contas com os seus amigos, assim como acontece em A Tempestade, de Shakespeare.

Odilon Wagner carrega há cinco anos o sonho de colocar no mesmo palco atores maduros. Sempre teve muito carinho e admiração pelas pessoas mais velhas e lamenta que atualmente a dramaturgia e a teledramaturgia brasileira produzem pouco para estes talentos.

“O que me motivou a escrever o texto foi a oportunidade de ver atores maduros num mesmo palco, além de falar de valores da maturidade, aos quais a nossa sociedade não dá muita atenção¨, diz Wagner.

Segundo o diretor, são pessoas com muitas histórias relacionadas às suas vidas profissionais e que recuperam momentos essenciais da cultura brasileira no decorrer dos anos.

A ÚLTIMA SESSÃO -foto de João Caldas
A ÚLTIMA SESSÃO -foto de João Caldas

¨Trazem o vigor, a qualidade e a essência da arte de representar¨, elogia. ¨Estão no auge da sua serenidade e ativos¨, complementa.

Para ele, trabalhar com esses veteranos do nosso teatro é um privilégio, pela larga experiência que possuem. Parte da história do teatro contemporâneo está em cena.

O elenco, por sua vez, está encantado com o trabalho. Aceitaram o convite prontamente e declaram que o processo de ensaio está sendo intenso e prazeroso.

Miriam Mehler e Laura Cardoso contam que, para elas, estrear um espetáculo é sempre uma grande responsabilidade. ¨Estrear é um parto¨, define Laura, que está muito feliz com a oportunidade de participar do espetáculo, principalmente por estar ao lado de pessoas conhecidas e poder estabelecer com elas uma relação de cumplicidade.

A atriz Nivea Maria, conhecida por seus trabalhos na TV, acredita que pisou menos vezes nos palcos do que seus colegas de elenco e diz que é uma emoção estar em São Paulo, sua terra natal, e resgatar o prazer de voltar ao teatro no momento em que completa 50 anos de carreira.

¨É muito importante dividir a cena com pessoas que têm a inteligência para te orientar em cena. O palco é um remédio para a nossa vitalidade¨, declara Nivea.

Sônia Guedes ressalta que o espetáculo aborda também com primor o preconceito em relação à sexualidade na terceira idade. Sônia diz que o amor pode acontecer em qualquer momento da vida e que as pessoas maduras atualmente são muito ativas e cumprem uma função social.

Para reviver a época em que os espetáculos realizavam matinês, A Última Sessão terá apresentações todas as quintas, às 16h. A ideia é reeducar o público para frequentar o teatro à tarde e dar essa oportunidade para quem não pode prestigiar as temporadas à noite.

Exposição registra a trajetória do elenco

Durante a temporada de A Última Sessão, quem for prestigiar a montagem terá a oportunidade de conferir, no saguão do Teatro Frei Caneca, painéis que apresentam momentos importantes das realizações profissionais dos integrantes da montagem. O objetivo, segundo Odilon Wagner, é reavivar a memória do público.

Ficha Técnica:

Texto e direção: Odilon Wagner

Elenco: Laura Cardoso, Nívea Maria, Etty Fraser, Sonia Guedes, Sylvio Zilber, Miriam Mehler, Gésio Amadeu,Gabriela Rabelo, Yunes Chami e Marlene Collé.

Cenografia: Chris Aizner

Figurino: Tica Bertani

Visagismo: Rosemary Paiva

Direção Musical e arranjos: Swami Jr.

Desenho de luz: Marisa Bentivegna

Direção de produção: Gabriel Paiva

Assistentes de Direção: André Acioli e Priscila Jorge

Prod. Executiva: Marlene Salgado

Serviço:

A Última Sessão

Estreia dia 16 de janeiro, quinta-feira, no Teatro Shopping Frei Caneca, excepcionalmente às 21 horas.

Temporada: quintas, às 16h00,  sextas e sábados, às 21h00, domingos, às 18h00. Duração: 90 minutos. Até 27 de abril.

Teatro Shopping Frei Caneca [600 lugares]

Rua Frei Caneca, 569 – 7º Andar

 

BILHETERIA

Horários de funcionamento: segunda: fechado. Terça a domingo: das 13h00 até o início do espetáculo.

*no dia em que não houver espetáculo, a bilheteria funciona até as 19h00.

Telefones: (11) 3472-2229 e (11) 3472-2230. Atendimento somente nos horários de funcionamento da bilheteria. Vendas Ingresso Rápido: (11) 4003.1212 / www.ingressorapido.com.br.

 

 

 

 

 

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado