SÃO PAULO – A partir das 20h de hoje, a Unibes Cultural recebe o evento, que marca a celebração dos 40 anos de atividade da Escola Célia Helena , em que diferentes gerações de atrizes debatem  sobre o papel da mulher na cena brasileira ao longo das últimas quatro décadas.

À Grande Mãe

Atriz, professora, amiga… Podemos definir essa Grande Mãe Artística com os  mais doces e inequívocos adjetivos superlativos, porque privilegiados, como eu, receberam dela o legado do amor ao teatro.

Pioneira em lançar uma escola de teatro dirigida aos adolescentes, Célia ousou abrir mão de uma carreira prodigiosa – atriz premiada, foi uma das fundadoras do Teatro Oficina – em favor da preocupação em formar atores mais preparados, ou como dizia, “pelo menos formar espectadores mais conscientes”.

 

Sua filha, Lígia Cortez, continua com afinco o desejo formador de sua mãe e conseguiu erguer a escola técnica profissionalizante ao patamar de escola superior de artes.

Célia foi embora rápido, mas anjos ficam nos olhando, protegendo e
inspirando de outros planos, não é Célia, meu anjo amado?

 

16 (quinta), das 20h às 22h30 (gratuito) – 40 anos do Célia Helena Centro de Artes e Educação: uma história de mulheres – Para celebrar esta data, a Unibes Cultural recebe diferentes gerações de atrizes para um debate sobre o papel da mulher na cena brasileira ao longo das últimas quatro décadas. Com a participação de Lígia Cortez, Júlia Ianina e Maria Laura Nogueira. Parceria: Centro de Artes e Educação. Público-alvo: Jovem/Adulto.

Serviço:
Unibes Cultural
Rua Oscar Freire, 2.500 – Sumaré
Telefone: (11) 3065-4333
De segunda-feira a sábado, das 10h às 19h
Estacionamento conveniado – Rua Oscar Freire, 2.617

Insrições para a Escola Superior de Artes Célia Helena http://www.celiahelena.com.br/pt/home