Fábio Namatame rege costureiras na coxia

NA REDE – Depois de interromper o trabalho no ateliê para se isolar em casa durante a quarentena, o figurinista FÁBIO NAMATAME encontrou uma forma de ajudar quem precisa nesta crise de saúde em decorrência do Covid-19. Está fazendo máscaras para doação em asilos, postos de saúde do SUS, UBSs e instituições de necessitados em geral.

Namatame criou um modelo de tecido e, antes de começar a produzir, testou, lavando diversas vezes, para confirmar sua eficácia. Depois de serem cortadas, as máscaras são enviadas para as costureiras (cada uma em sua casa), que as devolvem para Fábio fazer a separação e depois serem entregues por motoboy.

O figurinista estima que já produziu e entregou quatro mil máscaras, no início confeccionadas por suas duas costureiras – hoje o grupo já conta com mais oito profissionais espalhadas por vários cantos da cidade, como Vila Dalila, Jardim Oriente, Grajaú, Pirituba, Lopes Chaves etc.

Para manter esta rede de apoio, Namatame conta com doações em dinheiro em forma de depósito bancário. Em troca, quem colabora ganha a quantidade solicitada de máscaras.  Assim, com o dinheiro arrecadado, Fábio mantém as costureiras e o motoboy, além de comprar a matéria-prima – tecido e elásticos.

A ação recebeu apoio da jornalista e apresentadora Marília Gabriela e do diretor Jorge Takla, entre outros, o que ajudou na divulgação. A atriz Andrea Bassit ajuda na distribuição com seus contatos na área de saúde e a diretora Maria Thais é responsável pelas máscaras terem chegado aos índios. Lembrando, também, da diretora Carla Candiotto, que foi quem que deu a ideia para o figurinista começar a empreitada

“As vezes, eu mesmo faço a entrega”, diz, informando que a ação começou junto à rede de amigos, que queriam máscaras para suas famílias, porteiros, zeladores, faxineiros. Agora, Fábio tem a expectativa de contar com a parceria, ainda não efetivada, do Teatro Municipal de São Paulo. A entidade tem interesse em costurar e distribuir, pois conta com nove costureiras em sua equipe.

Paraisópolis, Parelheiros e Piritiba estão entre os bairros onde as máscaras já chegaram. Algumas UBSs dessas regiões já incluíram os artigos no kit de proteção distribuído gratuitamente.

“Quanto mais a gente produzir e distribuir gratuitamente, melhor”, diz, vislumbrando um futuro onde as pessoas usarão máscaras também para irem a museus e teatros.

* Para doações escreva para fhnamatame@gmail.com

*Recentemente, Fábio Namatame criou figurinos para a peça As Três Irmãs e o musical West Side Story, que tiveram suas estreias adiadas por conta da pandemia.