Folias apresenta show musical inspirado no bairro que sedia o grupo

Michel Fernandes, do Aplauso  Brasil/ iG (Michel@aplausobrasil.com)

Nani de Oliveira e Pedro Lopes em "A Saga Musical de Cecília..."

SÃO PAULO – Um argumento do ator e músico Dagoberto Feliz deu o start para que a companhia Folias D’ Arte criasse o espetáculo A Saga Musical de Cecília… (desde  priscas eras até os dias de hoje no pedaço de terra dividida que carrega o seu santo nome), que recorre à histórias, tipos e personagens que povoam o bairro paulistano de Santa Cecília, onde está sediado o grupo.

Com dramaturgia de Carlos Francisco, direção do ator Danilo Grangheia e direção musical de Bruno Perillo, A Saga Musical de Cecília… estreia hoje no Galpão do Folias.

Segundo o diretor a “história” de A Saga Musical de Cecília… é uma junção de “devotos, sonhadores, miseráveis, artistas, moradores e transeuntes para (re)contar uma história que se constrói diariamente neste centro babilônico paulistano, a Santa Cecília, nossa mãe, mulher e filha, nossa terra dividida, nossa matriz, padroeira e referência admitida”.

Débora Raquel em "A Saga Musical de Cecília..."

Numa analogia entre a paixão de  Santa Cecília e as histórias do Galpão e do Folias no bairro homônimo.  A estas se juntam outras histórias inventadas compondo um mosaico  anacrônico onde espaço, bairro, cidade, e seus habitantes, representados por Cecílias, se misturam. Para contar e cantar estas histórias, canções do repertório ganham novas versões as quais se juntam outras inéditas criadas para o espetáculo.

“São relatos advindos da memória. Entoamos essa saga por encanto, como nos orienta a padroeira do canto, ao colocar instrumentos em nossas mãos e poesia em nossas vozes” finaliza Danilo Grangheia.

FICHA TÉCNICA

Direção: Danilo Grangheia

Argumento: Dagoberto Feliz

Dramaturgia: Carlos Francisco

Direção musical: Bruno Perillo

Cenografia: Marcela Donatto

Figurinos: Daniel Infantini

Iluminação: Aline Santini

Design gráfico: Ieltxu Martinez Ortueta

Assessoria técnica e sonoplastia: André  Grynwask

Operação de Luz: Lui Seixas

Operação de Som: Leandro Simões

Artista colaborador: Val Pires

Produção e Realização: Folias

Elenco

Carlos Francisco

Débora Raquel

Marcellus Beghelle

Nani de Oliveira

Patricia Barros

Pedro Lopes

Rafael Faustino

Rodrigo Scarpelli

Suzana Aragão

SERVIÇO:

Estréia dia 09 de março / Dia 08 para convidados

Local: Galpão do Folias

Rua Ana Cintra, 213 Santa Cecília ( próx. ao metrô Santa Cecília)

Temporada: de 09 de março a 03 de junho

Quinta a sábado às 21 h e domingo às 19 h

Informações e reservas: 11- 3361.2223 / 3333.2837

Ingressos: R$ 30,00 , R$ 15,00 e R$ 10,00 ( para moradores do Bairro de Santa Cecília)

Duração: 75 min.

Lotação: 77 lugares

Indicação etária: acima de 14 anos

Acesso para portadores de necessidades especiais.

Café

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado

*