SÃO PAULO – O grupo Contadores de Mentira apresenta em julho dois espetáculos de seu repertorio, O Incrível Homem pelo Avesso (2011) e Curra-Temperos Sobre Medeia (2008), duas demonstrações de trabalho, Pensar com os Pés e Rito de Partilha, e duas rodas de conversa Terra, Território e Teatro – com a presença de lideranças no MTST e pesquisadores de temas sociais e artistas, e Intolerância Às Culturas Afro-Brasileiras, com representantes de terreiros, pesquisadores da cultura afro e artistas.

Todas as atividades são realizadas na Funarte São Paulo  e todo o projeto foi contemplado pela Fundação Nacional das Artes – FUNARTE no Edital de Espetáculos de Artes Cênicas e Música de 2018.

Histórico
O Grupo Contadores de Mentira nasceu em 1995 na cidade de Suzano, onde desde 2012 mantém também uma sede física o “Teatro Contadores de Mentira”. Há 23 anos produzem projetos, espetáculos, festivais, encontros, e, sobretudo, um diálogo de sobrevivência, crescimento, articulação e atitude entre cidadania e cultura.

Existem e resistem, fora do grande centro – trabalhando no fluxo contrário ao pensamento de que apenas os grandes centros são produtores de cultura – propondo novos espaços e novos olhares para um teatro voltado aos ritos, à pesquisa de linguagens, e à construção de identidade. Embasam seus trabalhos nos estudos do Teatro Antropológico, firmando suas pesquisas em três eixos: metáfora, rito e celebração. Buscam nos povos e em suas manifestações populares, o viveres para suas criações.

 Programação

De 01 a 10 de junho

Espetáculo O INCRÍVEL HOMEM PELO AVESSO

Sexta e sábados, às 20h30 e domingos, às 19h30

Duração: 130 min | Recomendação: 12 anos | Ingresso: R$ 20 e R$ 10 (meia)

Ingressos online:
https://www.sympla.com.br/espetaculo–o-incrivel-homem-pelo-avesso__292379

Nesta obra, o grupo exalta Canudos e Antônio Conselheiro e opta em narrar os vários Canudenses presentes na guerra. Adentram na história do Brasil por um caminho contrário à ótica militar de “Os Sertões”, de Euclides da Cunha. No espetáculo, contam relatos e memórias de algumas figuras ícones na comunidade de Canudos. Uma obra histórica e poética que reconta um massacre de mais de 25 mil pessoas.

Ficha Técnica: Direção e Dramaturgia: Cleiton Pereira /Composição e Direção Musical: Michael Meyson /Iluminação: Matheus Borges e Samuel Vital  / Operação de Iluminação: Matheus Borges / Figurinos: Contadores de Mentira / Atuadores: Alessandro Silva, Cleiton Pereira, Daniele Santana, Felipe Vieira Galisteo, Kaique Costa, Michael Meyson, Narany Mireya, Pâmella Carmo, Samuel Vital, Silas Xavier e Vanessa de Oliveira.

 

De 15 a 24 de junho

Espetáculo CURRA – TEMPEROS SOBRE MEDEIA

Sextas e sábados, às 20h30 e domingos, às 19h30

Duração: 80 min | Recomendação: 14 anos | Ingresso: R$ 20 e R$ 10 (meia)

Ingressos online:
https://www.sympla.com.br/espetaculo–curra—temperos-sobre-medeia__290037

 Curra-Temperos Sobre Medéia é uma celebração afro sobre o mito clássico. Um terreiro, uma arena, um banquete. Bebida, comida e pés descalços para celebrar o efêmero.  Este espetáculo faz parte de um caminho antropológico iniciado em 1995 pelo grupo. É baseado nas tradições do corpo encontrado nos ritos profanos, nos brincantes populares e nas tradições do candomblé e mitos Orixás da Cultura Afro Brasileira. No espetáculo, o público não é apenas expectador, é convidado para um “outro lugar”. Uma cozinha funciona durante todo o tempo provocando relações sensoriais onde a dança, a comida, a música celebram o mito da Medéia. Jasão é um orixá recebido pelo corpo de um cozinheiro. Medeia tem a força de Iansã e Glauce a beleza de Oxum. Creonte, senhor daquele terreiro exige o seu direito à propriedade enquanto crianças “Erês” cegas decidem o futuro da mãe.

Ficha Técnica: Direção e Dramaturgia: Cleiton Pereira / Atuadores: Cleiton Pereira, Daniele Santana, Kaique Costa, Narany Mireya, Pâmela Carmo, Samuel Vital, Soraia Amorim/ Direção Musical, Criação Musical e música ao vivo: Michael Meyson / Iluminação: Matheus Borges

DEMONSTRAÇÕES DE TRABALHO

14 de junho, quinta, às 20h30

PENSAR COM OS PÉS

Duração: 80 min | Indicação: livre | Grátis

É a demonstração coletiva do grupo, onde são compartilhados pontos como direção, dramaturgia do ator, construção de cena e dramaturgia do espectador. Também são partilhadas técnicas e experiências no campo das energias, expressividade e pré-expressividade. Neste trabalho o grupo partilha com o espectador o processo de construção, as pesquisas, os mergulhos e enfrentamentos que fazem parte do “Teatro de grupo”. É a intimidade da nossa sala de treinamentos e ensaios, aberto ao público.

Atuadores: Cleiton Pereira, Daniele Santana, Kaique Costa, Matheus Borges, Narany Mireya, Samuel Vital / Direção: Cleiton Pereira/ Iluminação: Matheus Borges

 

21 de junho, quinta, às 20h30

RITO DE PARTILHA      

Duração: 80 min | Indicação: livre | Grátis

Rito de Partilha é a demonstração de trabalho da atriz Daniele Santana do grupo Contadores de Mentira e estreou em Quito no Equador no ano de 2015. Em janeiro de 2017 integrou a rede de Magdalena Project – Rede Mundial de Mulheres do Teatro – em Santa Clara – Cuba. Nesta demonstração, a atriz compartilha com o público traços de uma construção artística desenvolvida pelo grupo, um Teatro de Metáfora, Rito e Celebração. Este trabalho traz por meio de recortes de cenas, exercícios cênicos, a dramaturgia física do grupo, às vezes estranho à formação tradicional de atores. De modo a celebrar um tema e não apenas interpretá-lo na dramaturgia da razão. Partilhar experiências como essa é também uma forma de expansão criativa, uma maneira de estabelecer ainda mais a relação entre ator, teatro, obra e público.

Atuação: Daniele Santana / Direção: Cleiton Pereira/ Iluminação: Matheus Borges

 

RODAS DE CONVERSA

06 de junho, quarta, às 20h30, Grátis

TERRA, TERRITÓRIO E TEATRO

*Presença de lideranças no MTST e  pesquisadores de temas sociais e artistas.

 

20 de junho, quarta, às 20h30, Grátis

INTOLERÂNCIA ÀS CULTURAS AFRO-BRASILEIRAS

*Presença de representantes de Terreiros, pesquisadores da cultura afro e artistas.

 

SERVIÇO

De 01 a 24 de junho de 2018

Funarte São Paulo

Alameda Nothmann, 1058 – Campos Elíseos/ São Paulo

Tel.: 11 3662-5177 – Grátis

Foto: Espetáculo CURRA-TEMPEROS SOBRE MEDEIA – foto Eugenio Barbosa