Hécuba se despede de São Paulo e ganha o Brasil

Michel Fernandes, do Aplauso Brasil/ iG (Michel@aplausobrasil.com)

Walderez de Barros protagoniza "Hécuba"

SÃO PAULO – Um projeto de longa data, gestado afetuosamente pelo diretor Gabriel Villela, é o caso da tragédia Hécuba, de Eurípedes, que encerra temporada neste domingo (13) no Teatro Vivo, parte da capital para turnê, entre março, abril e maio, por Belo Horizonte, Recife, São José dos Campos, Santos, Curitiba (onde encerra o 21º Festival de Curitiba), Santo André, São José do Rio Preto, Ribeirão Preto e Porto Alegre.

Walderez de Barros dá alma à Hécuba, outrora rainha de Troia e, agora, escrava dos vencedores da guerra, que dizimou toda a prole masculina troiana, os gregos.

Espetáculo sucinto, com belo apelo visual e utilização de máscaras no coro das troianas, Hécuba narra os horrores que marcam, o já desgraçado, porvir dessa mãe.

Ficha técnica

Texto – EURÍPIDES. Tradução – MÁRIO DA GAMA KURY – Direção, Adaptação e Figurinos– GABRIEL VILLELA. Assistência de direção– CÉSAR AUGUSTO e IVAN ANDRADE. Elenco– Walderez de Barros, Flávio Tolezani, Fernando Neves, Luisa Renaux, Léo Diniz, Luiz Araújo, Rogério Romera, Nábia Villela e Marcelo Boffat Cenografia – MÁRCIO VINÍCIUS. Adereços – SHICÓ DO MAMULENGO. Desenho de luz – Miló Martins. Preparação vocal – BABAYA.Antropologia da voz – FRANCESCA DELLA MONICA. Direção musical e arranjos vocais – ERNANI MALETTA. Preparação corporal – RICARDO RIZZO.

Serviço

Gabriel Villela e Walderez de Barros

Teatro VIVO – Av Chucri Zaidan, 860, Morumbi. HÉCUBA – De 18 de novembro a 18 de dezembro. Teatro Vivo. Temporada. sextas às 21h30, sábados às 21h e domingos às 20hIngressos: R$ 40,00 às sextas e domingos e R$ 60,00 aos sábados – http://ingressorapido.com.br. Fone- 4003-1212, ou diretamente na bilheteria do teatro. Duração: 60 min. Capacidade do teatro: 290 lugares. Classificação etária 12 anos. Estacionamento com manobrista: R$15,00 (só dinheiro) Bilheteria: aberta de terça a quinta  das 14h às 20h e  de sexta a domingo, das 14h até o início do espetáculo. Tel: 7420-1520 Aceita todos os cartões.

LEIA TAMBÉM

Walderez de Barros protagoniza Hécuba sob direção de Gabriel Villela

Gabriel Villela: Mais de vinte anos de carreira, mais de vinte prêmios!!!

Walderez de Barros imprime seu vigor em Hécuba

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.