Hélio Cícero e Samir Yazbek estreiam nova peça

Redação do Aplauso Brasil (aplausobrasil@aplausobrasil.com)

"As Folhas do Cedro" -HelioCicero,GabrielaFlores -foto de FernandoStankuns

Nesta sexta-feira (23), 21h, no Teatro do SESC Vila Mariana, estreia o novo espetáculo da Companhia Teatral Arnesto nos Convidou, As Folhas do Cedro, com texto e direção de Samir Yazbek(O Fingidor, A Entrevista, A Máscara do Imperador, entre outras) e, firmando antiga parceria, com o ator Hélio Cícero na pele do patriarca da trama.

Narrada pela filha de um casal de imigrantes libaneses no Amazonas, ela revisita suas origens quando, na década de 1970, período marcado pelos anos sinistros da ditadura militar, em busca de sua própria identidade. Sua mãe fora buscar o marido que trabalhava como empreiteiro de obras na construção da estrada Transamazônica, durante a ditadura militar.

Por meio de sua memória e imaginação, procura desvendar a figura do Pai e confronta-se com as demais personagens (um Empreiteiro carioca, uma Gerente alemã e uma Nativa amazonense). A peça contrapõe o progresso – representado pelo Pai – à tradição – representada pela Mãe. A Filha procura se integrar entre esses dois extremos.  A personagem Menina representa a ancestralidade da Filha; ora é a própria Filha, ora a Mãe, ora os antepassados da família, que viveram no Líbano.

No elenco de As Folhas do Cedro estão Helio Cicero, Daniela Duarte, Douglas Simon, Gabriela Flores, Mariza Virgolino, Rafaella Puopolo e a criança Marina Flores, de oito anos.

O espetáculo conta ainda com preparação de atores de Antônio Januzelli (Janô), cenografia e figurino de Laura Carone e Telumi Hellen, trilha sonora original de Marcello Amalfi e iluminação de Domingos Quintiliano.

Para esta obra, Yazbek, filho de imigrantes libaneses, buscou inspiração em sua ascendência, bem como na história de várias famílias de imigrantes libaneses e de outras nacionalidades. O autor esclarece que a peça não é autobiográfica: “É uma obra de ficção a partir de um universo pessoal, uma meditação sobre temas que me interessam”, explica.

Imigração libanesa no Brasil

O espetáculo As Folhas do Cedro está inserido na comemoração dos 130 anos da imigração libanesa no Brasil, evento organizado pela Associação Cultural Brasil-Líbano, presidida por Lody Brais. O texto da peça será publicado pela Editora Terceiro Nome, que fará o lançamento no encerramento da comemoração, em data a ser definida.

 Em 9 de julho, o espetáculo fará a abertura oficial do 23º Festival Internacional de Teatro Universitário de Blumenau.

A Cia. Teatral Arnesto nos Convidou também foi sondada pela Embaixada do Brasil, no Líbano, para apresentar o espetáculo em Beirute, no final deste ano.

Ficha técnica

Espetáculo: As Folhas do Cedro com a Cia. Teatral Arnesto nos Convidou

Texto e direção: Samir Yazbek

Elenco: Helio Cicero, Daniela Duarte, Douglas Simon, Gabriela Flores, Mariza Virgolino, Rafaella Puopolo e Marina Flores (criança)

Preparação de atores: Antônio Januzelli (Janô)

Cenário e figurino: Laura Carone e Telumi Hellen

Trilha sonora original: Marcello Amalfi

Iluminação: Domingos Quintiliano

Assistência de direção: Isabel Hart

Operação de som: Vinícius Andrade

Operação de luz: Osvaldo GazottiAulas de língua árabe: Aida Hanania

Aulas de dança árabe: Angélica Rovida

Programação visual: Juliana Vinagre

Fotografia: Fernando Stankuns

Criação do blog: Diego Spino

Assistência de produção: Larissa Orlow

Produção geral: Silvia Marcondes Machado

Administração: Mecenato Moderno

Realização: SESC SP

Mais informações sobre o espetáculo: asfolhasdocedro.arnesto.art.br

Serviço

Estréia: 23 de Julho de 2010 – sexta-feira – às 21 horas

Local: SESC Vila Mariana (Teatro)

Rua Pelotas, nº 141 – Vila Mariana/SP – Tel: (11) 5080-3000

             (11) 5080-3000     

Temporada: sextas e sábados (21 horas) e domingos (18 horas)

Ingressos à venda em todas as unidades SESC: de R$ 5,00 a R$ 20,00

Classificação etária: 12 anos. Gênero: Drama. Duração: 80 min.

Final da temporada: 22 de agosto. Capacidade: 608 lugares

Acesso universal. Ar condicionado. Estacionamento: a partir de R$ 5,00

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado

*