IV Encontro Internacional de Contato Improvisação de São Paulo ocupa a Galeria Olido

Luís Francisco Wasilewski, especial para o Aplauso Brasil (lfw@aplausobrasil.com)

IV Encontro Internacional de Contato Improvisação de São Paulo - Foto de Rogério Ortiz

SÃO PAULO – Com uma programação ampliada e diversificada, o Encontro Internacional de Contato Improvisação de São Paulo chega a sua quarta edição – de 22 a 29 de janeiro -, para oferecer mais opções e formas de ensinar e dançar a técnica, que tem no toque e na expansão das percepções a base para uma dança espontânea e uma conscientização corporal natural. Durante oito dias , o Encontro ocupa as Salas Paissandu, Azul, Café e Vermelha do Centro de Dança Umberto da Silva / Galeria Olido, muitas vezes em atividades simultâneas.

Na sequência da abertura oficial, às 15h de domingo (22), acontece a JAM do Programa de Workshop, ministrada por Luciana Bortoletto, em parceria com o bailarino e professor Ricardo Neves, diretor artístico do Encontro de CI desde a sua primeira edição, em 2008. A programação completa inclui cursos intensivos, palestra com todos os professores/artistas envolvidos, JAMs, performances, estágios docentes e laboratórios.

O evento celebra os 40 anos da criação, por Steve Paxton, e prática do Contato Improvisação e acompanha o movimento mundial de encontros e festivais para a difusão do CI como uma linguagem em desenvolvimento na cena contemporânea.

Seguindo a proposta curatorial das edições anteriores, de promover um intercâmbio entre artistas nacionais e internacionais para prática, discussão e ações para a manutenção da pesquisa e do aprendizado de CI, o IV Encontro inova, incorporando à programação a realização do Laboratório de Movimento, espaço reservado para troca entre alunos e professores, sob forma de conversa ou demonstração prática; Jams em silêncio, que acontecem simultaneamente às Jams com intervenção sonora, dando aos participantes a opção de circular livremente entre elas; e o Estágio Docente, um desejo antigo de Ricardo Neves para impulsionar a formação de novos professores, que podem expor seus trabalhos e ministrar aulas.

Outra novidade reservada ao público interessado: para criar uma atmosfera produtiva e conectada com a pesquisa e investigação do CI no Centro de Dança Umberto da Silva, o Encontro disponibilizará uma videoteca, com DVDs históricos, que poderão ser vistos na Sala de Pesquisa e Acervo.

IV Encontro Internacional de Contato Improvisação de São Paulo

Principal atividade do Encontro, os cursos intensivos serão sete – quatro oficinas (de 2ª a 4ª, das 10h às 13h e das 14h30 às 17h30) e três workshops (de 6ª a domingo, das 15h às 18h).

Abertos ao público em geral e orientados para formação, aprimoramento técnico, desenvolvimento de pesquisa, composição e criação artística, reúnem profissionais que se dedicam intensamente à pesquisa do contato-improvisação, participando dos principais festivais do mundo voltados para esta prática.

Nitta Little retorna, em seu segundo ano, para ministrar um dos intensivos (Corpos que falam: explorando a poética da conversa na nossa dança) e apresentar, em palestra, sua tese de doutorado sobre articulação da presença cênica do bailarino. Nita é do grupo que estava com Steve Paxton desde suas primeiras investigações, em 1971.

Nas demais oficinas estão o italiano Camillo Vacalebre (O Lugar Onde O Movimento É), também pela segunda vez no Encontro; o casal Daniela Schwartz e Eckhard Mueller (A arte de partilha do peso – lightness), ela argentina e ele alemão, que desde 2005 viajam praticando Contato Improvisação pela Europa e Américas do Norte e do Sul; e a organizadora do Festival da Rússia, Sasha Bezrodnova (Fora de Equilíbrio).

Outros três artistas ministram os workshops: Autarco Arfini, da Argentina (Habilidades para chegar em lugar nenhum), Hugo Leonardo, da Bahia (Vertigem e Aglutinação), e Íris Fiorelli, de Sergipe (Bem Sentados).

O japonês-paulistano Keizen Ono Sensei, que aos 86 anos conquistou o 7º ‘Dan’, uma das maiores colocações do Aikido mundial, faz uma demonstração técnica na Sala Paissandu, na quinta-feira (26), das 11h às 12h. Isso porque existe uma relação bastante estreita entre o Aikido e o Contato Improvisação, que incorpora alguns elementos, como as quedas (Ukemi), os movimentos circulares e o uso da energia do parceiro, dessa arte marcial.

Os ingressos para a aula-demonstração devem ser retirados com meia hora de antecedência. Quinta também acontece a palestra com professores, das 12h30 às 14h30, e tem início os Laboratórios “one to one”, para participantes dos cursos, das 15h às 16h em três salas.

Sonoras e em silêncio, as JAMs de improviso,abertas à participação do público, continuam com seu espaço garantido, com mais opções de horários – serão ao todo 13 ( – 2ª, 3ª e 4ª (23,24 e 25/1), das 18h30 às 21h (Salas Vermelha e Café); 5ª (26), das 16h às 18h, nas mesmas Salas, e, de sexta a domingo (27 a 29), Jams matinais, das 11h às 13h, nas Salas Café e Azul. As Jams de CI são inspiradas no conceito das JAM Sessions, dos músicos de jazz (Jazz After Midnight), que se reuniam para improvisar; a dança se apropriou do termo e da prática, promovendo encontros de pessoas com o intuito de explorar as possibilidades de composição, criação e conexão entre variadas técnicas corporais e também a partir das experiências individuais dos participantes. A manhã de 6ª – das 11 às 13h – fica reservada também para mais Laboratórios.

Para fomentar o encontro artístico das pessoas, propostas e investigações na dança do Contato Improvisação, as três noites de performances, abertas ao público, acontecem na Sala Paissandu, na sexta e sábado (27 e 28), das 20 às 21h, e no domingo (29), das 19h às 20h, quando o IV Encontro Internacional de CI será encerrado.

O Encontro Internacional de São Paulo tem um especial diferencial em relação aos festivais que acontecem mundo afora: toda a programação nacional e internacional é oferecida gratuitamente aos bailarinos, professores, praticantes e interessados. Isto porque, na cidade, o projeto foi incorporado, desde a primeira edição, pela Secretaria Municipal de Cultura no Centro de Dança Umberto da Silva, o que lhe conferiu um caráter de continuidade, passando a constar como uma boa opção para práticas corporais no calendário de eventos da cidade.

A programação completa do IV Encontro Internacional de Contato Improvisação de São Paulo está disponível no site: www.contatoimprovisacaosp.com.br.

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado

*