11 Comentários
  1. estive na sexta passada no sesc pompeia e vi o monologo e discordo completamente da questão do ator.
    fazia muito tempo que nao via um trabalho jovem, corajoso e bem fundamento como o desse menino no teatro, me emocionei muitissimo como sua atuação.
    quanto a trilha achei um pouco forçada, manipuladora, principalmente o final com janis joplin….

  2. não concordo c a luciana, acho mesmo q faltou peso ao rapaz, q é muito esforçado, mas esforço não é suficiente pra fazer a mágica q o teatro precisa. agora, a adaptação parece ter jogado contra o escritor, faltou tato e a trilha realmente apela muito. enfim, espero q esse pessoal, cheio de vontade, consiga virar artista logo. beijos.

    1. Sandra, você pode não gostar, pode achar a trilha apelativa, etc, mas dizer que um dia a gente pode virar artista?! Segundo quem a gente já não o é? Segundo você? Guarde os julgamentos peremptórios pros juízes pra não parecer leviana.

  3. vi essa peça no fds de estreia, houve alguns problemas bem evidentes na operação da luz, porem de resto gostei muito e confesso que me supreendi. concordo com você rodrigo adaptar caio f é um grande desafio e pra mim esses garotos mandaram muitooo bem. realmente o ator não é um paulo autran (realmente ele ainda nem tem idade para se-lo), porem dentro do que foi proposto pela direção e pelo texto eu achei que ele mandou muito! a historia narra a experiencia de um jovem em outro país, para mim não haveria sentido algum ter alguem de mais idade….
    a cena final me deixou incomodado por uns dias, achei a imagem forte e não vi problemas na trilha….
    eu sou do tipo de cara que dificilmente comenta qualquer coisa por pura preguiça, porem Sandra, não me leve a mau mas achei um tanto ofensivo seu comentario, por acaso você decide quem é ou não artista?rsrs…
    não leva a mau
    abraços

  4. Li em algum lugar que esse ator por mais jovem que seja tem mais de 10 anos de carreira, com direito até indicação a Gramado!
    Quando decidi ver a peça foi pelo Caio, mas fiz questão de pesquisar o ator,p/ver se valia apena…
    E valeu muitissimo!
    Recomendo muito!!

  5. Assisti a peça e achei a sensibilidade do Davi nesta interpretação a flor da pele, chorei em vários trechos. NO dia que fui a plateia aplaudiu em pé, durante o espetaculo pareceu-me que todos estavam vivendo dentro daquele quarto que inspirava a solidão e a tristeza de não se encontrar em lugar algum. O Davi só tem 22 anos mas mostrou o seu dom poético e artistico.

Leave a Reply

Seu email não será publicado

*