Maria Bethânia volta em dose dupla

por Michel Fernandes, especial para o Último Segundo (michel@aplausobrasil.com)
Capa do CD <i>Tua</i>
Capa do CD Tua

Entre março e junho deste ano, a “Abelha Rainha” da Música Popular Brasileira, Maria Bethânia, esteve no estúdio para gravar dois novos trabalhos: Tua e Encanteria, que chegam às lojas no próximo dia 5.

Em Tua, cuja faixa-título é o nome da canção assinada por Adriana Calcanhotto, Bethânia solta a voz em canções que edificcam o amor.

Os álbuns trazem três especialíssimas participações, Lenine, Gilberto Gil e seu “mano” Caetano Veloso.

Capa do CD <i>Encanteria</i>
Capa do CD Encanteria

Encanteria é um álbum de festa e celebração em que a faixa-título é uma das inúmeras assinadas por Paulo César Pinheiro. Enquanto esse CD é fruto de Quitanda, sua própria gravadora em parceria com a Biscoito Fino, Tua sai sob este selo.

Além de Paulo César Pinheiro, estão, entre os compositores das 22 canções (11 em cada álbum),  Roque Ferreira, Vanessa da Mata, Chico César, Dori Caymmi, Paulinho Moska, Jaime Álem (seu maestro) e Jorge Vercillo.

O site da Biscoito Fino já disponibiliza os CDs para pré-venda com data de postagem pro dia 2 de outubro. E a previsão dos shows são: estréia no Rio de Janeiro no dia 16 de outubro, para duas semanas de temporada no canecão, e dias 30, 31 (de outubro)  1º de novembro em São Paulo.

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.