MENOR DE IDADE: “A GAIOLA” ESTREIA NO CCBB-SP

a-gaiola-imagem-destacadaFernando Pivotto, para o Aplauso Brasil (fernando@aplausobrasil.com.br)

SÃO PAULO – Baseado no livro homônimo indicado ao Prêmio Jabuti, e com adaptação da própria autora, Adriana Falcão, o espetáculo musical conta a história de amor e separação entre uma menina e seu pássaro. A peça estreia em 6 de janeiro, dentro da Temporada Infantil Brasilprev, no CCBB.

Após cumprir temporada nos CCBBs de Brasília e Rio de Janeiro, e indicado ao Prêmio CBTIJ 2016 em 10 categorias, incluindo Espetáculo, Adaptação, Direção, Ator e Atriz, o espetáculo A Gaiola, baseado no livro homônimo de Adriana Falcão, chega em São Paulo na próxima sexta-feira (6).

Na trama, adaptada para os palcos pela própria autora e por Eduardo Rios, uma menina se dedica a cuidar de um passarinho ferido que cai na varanda de sua casa. Á medida em que convivem, lentamente se apaixonam, até que, curado e com medo de ir embora, o pássaro pede para ser aprisionado em uma gaiola. “É uma história que aborda temas delicados, mas fala também de reinvenção e novas possibilidades, de  uma forma lúdica, carregada de humor e lirismo”, afirma Falcão.

A transposição das páginas para os palcos inspirou uma montagem que mistura teatro, dança, canto e contação de histórias. Com longa carreira tanto como diretora artística quanto como diretora de movimento, a encenadora Duda Maia elaborou uma partitura coreográfica que costura toda a ação, cobrando um intenso trabalho físico dos atores.

“Em determinados momentos, a história avança unicamente através da movimentação e expressão corporal dos atores”, afirma.

Além do trabalho físico, os atores Carol Futuro e Pablo Áscoli alternam entre fala e canto, interpretando seis canções escritas por Falcão e Eduardo Rios, e musicadas pelo diretor musical do espetáculo, Ricco Viana. Cabe aos atores também a manipulação do cenário idealizado pelo artista plástico João Medé.

“O espetáculo tem uma estrutura que pretende agradar a qualquer faixa etária. Tanto os adultos, que podem se identificar com a história, assim como crianças a partir de oito anos, que irão acompanhar o texto e criar um diálogo com os adultos. E mesmo os pequeninos, que talvez não acompanhem a fala mas certamente se encantarão com os elementos estéticos, visuais e sonoros”, diz a diretora.

A Gaiola
Baseado no livro homônimo de Adriana Falcão
Adaptação e letras: Adriana Falcão e Eduardo Rios
Direção: Duda Maia
Elenco: Carol Futuro e Pablo Áscoli
Direção musical e trilha original: Ricco Viana
Cenário: João Modé
Iluminação: Renato Machado
Figurino: Flavio Souza
Assessoria de Imprensa: Paulo Marra
Produção: Palavra Z Produções Culturais
Direção de Produção: Bruno Mariozz

Serviço
De 6 a 28 de janeiro. Sextas e sábados, às 11h.
Ingressos: R$ 20,00 ou R$ 10,00 (estudantes, professores da rede pública, pessoas acima de 60 anos e clientes do Banco do Brasil)
Centro Cultural Banco do Brasil. R. Álvares Penteado, 112. Centro.