Monólogo “De Volta a Reims” discute a ruptura entre classes, a subjetividade gay e a ascensão da extrema direita

SÃO PAULO – Ainda inédito no Brasil e com publicação prevista para 2020, o relato autobiográfico Retour à Reims, escrito pelo filósofo francês Didier Eribon em 2009, ganha montagem teatral livremente inspirada na obra no Viga Espaço Cênico. A peça tem direção de Cácia Goulart com assistência de Emerson Rossini, texto de Reni Adriano e tem interpretação de Pedro Vieira, indicado ao prêmio Shell de Melhor Ator em 2016 com o espetáculo Eu Tenho Tudo, também dirigido por Cácia Goulart.

O desejo de montar De Volta a Reims partiu do ator Pedro Vieira, que assistiu uma adaptação da obra de Eribon no Festival de Avignon em 2017. O enredo acompanha o retorno de um intelectual à sua terra natal, onde se depara com um cenário político e social completamente diferente do da época em que morava lá, mais de 30 anos atrás. Entre os questionamentos que o acometem, estão sua relação com a própria sexualidade, alvo de ataques homofóbicos no tempo em que vivia no local, e o contexto operário que mudou completamente de perfil nas últimas décadas. Para Cácia Goulart, diretora da montagem, a interpretação de Pedro trafega pelo drama e pela filosofia, o que conecta suas memórias e realidade histórica às narrativas de Eribon.

“Além de atual o tema é universal e, quando escrito, já antecipava a ascensão da ultradireita e do neoliberalismo no mundo. Tivemos vivências diferentes, mas todos nós, em algum momento da vida, de algum modo tivemos experiências ligadas à homofobia, questões ligadas a raça e posição social. Tudo isso nos move a mergulhar nesse trabalho”, conta Emerson Rossini, assistente de direção e produtor de De Volta a Reims. Cácia Goulart complementa: “Proponho uma encenação que valorize sobretudo a dramaturgia construída a partir do que é essencial na obra original: a força absoluta do texto como um tecido de ideias necessárias ao nosso tempo”. Tais questões foram trazidas à cena por meio do texto, som e imagens que acompanham as memórias do personagem.

De Volta a Reims

De 13 de abril a 26 de maio de 2019

Sextas e sábados, às 21h, e domingo, às 19h

Local: Viga Espaço Cênico
Rua Capote Valente, 1323 – Entre a rua Heitor Penteado e a Amália de Noronha, próximo ao metrô Sumaré.

Tel: (11) 3801-1843 | Capacidade: 73 lugares

Classificação indicativa: Livre | Duração: 90 minutos

Ingressos: R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia)

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado