Montagens inéditas de dramaturgo costa-marfinense radicado na França, estreiam no Sesc Belenzinho

SÃO PAULO – Uma dramaturgia baseada na oralidade, textos dramáticos escritos em versos a serviço de um ritmo inspirado pelo jazz, poucas referências aos locais em que ocorrem as ações e personagens alegóricos são algumas das marcas de Koffi Kwahulé, autor franco-marfinense que terá duas peças encenadas no Brasil em outubro, no Sesc Belenzinho: Jaz (4 a 20/10), monólogo traduzido e interpretado por Sofia Boito com direção de Joana Dória; e Big Shoot (25/10 a 10/11), dirigido e traduzido por Janaína Suaudeau e interpretado por Daniel Costa e Daniel Infantini. São as primeiras montagens brasileiras desse dramaturgo.

 

Sofia Boito e Janaína Suaudeau estudaram na França em diferentes períodos. Fascinadas pela potência da obra de Koffi, traduziram duas de suas peças por iniciativa própria, sem nenhum projeto em vista. No final de 2017, por intermédio de uma amiga em comum, descobriram do envolvimento de ambas com o autor. “Foi uma grande coincidência termos traduzido as peças no mesmo período”, conta Sofia, ressaltando que as duas obras são muito diferentes entre si, mas trazem sínteses importantes sobre a produção dramática de Koffi.

 

Para Janaína, as montagens dão a oportunidade para que o público tenha um panorama amplo da linguagem e dos temas mais caros para o autor, como a desigualdade social, violência, pobreza e o frequente questionamento sobre as estruturas sociais de poder. “Quando nos encontramos, entendemos nossa oportunidade de fazer algo maior, mais expressivo e que pudesse apresentar a obra do Koffi num mesmo projeto”, complementa Janaína.

 

As artistas contam que as duas peças compartilham de um clima de suspense, com uma ação que vai se revelando aos poucos, não entregando de uma vez ao público os temas ou o perfil das personagens levantadas em cena. Outra característica das obras é que nenhuma delas especifica local ou data concreta da ação. Esse atributo marcante de Koffi reforça o caráter alegórico e por vezes surrealistas do seu estilo.

 

FICHAS TÉCNICAS

ESPECIAL KOFFI KWAHULÉ

Concepção: Janaína Suaudeau e Sofia Boito

Dramaturgia: Koffi Kwahulé

Registro em vídeo e teaser: Diogo de Nazaré

Fotografia: Lígia Jardim

Design: Guto Yamamoto

Assessoria de imprensa: Márcia Marques – Canal Aberto

Produção: Mariana Novais e Larissa Maine – Ventania Cultural

Apoio: Institut Français du Brésil, Consulado Geral da França em São Paulo

Agradecimentos: Aliança Francesa de São Paulo e Cité Internationale des Arts.

 

Jaz

Concepção geral e atuação: Sofia Boito

Tradução: Sofia Boito e Mariana Camargo

Direção: Joana Dória

Composição e performance musical: Ligiana Costa

Vídeo / Operação de vídeo: Flavio Barollo

Coach corporal: Flávia Pinheiro

Cenografia: Flávio Barollo, Joana Dória e Sofia Boito

Figurino: Erika Grizendi

Iluminação: Lucas Pradino e Sofia Boito

Operação de luz: Lucas Pradino

Operação de som: Don Lino

Estagiárias de cenografia e contrarregragem: Ana Suzano, Clara Boucher e Fernanda Marinho.

Produção: Mariana Novais e Larissa Maine – Ventania Cultural

 

Big Shoot

Direção geral: Janaína Suaudeau

Tradução: Janaína Suaudeau

Colaboração na tradução: Rafael Morpanini

Elenco: Daniel Costa, Daniel Infantini

Músicos: Conrado Goys e Pedro Gongom

Direção musical: Conrado Goys

Trilha sonora: Conrado Goys e Pedro Gongom

Assistente de direção: Victor Abrahão

Cenografia: Ulisses Cohn

Iluminação: Sofia Boito

Figurino: Daniel Infantini

Operação de som: Don Lino

Operação de luz: Priscila Carla

Produção: Mariana Novais e Larissa Maine – Ventania Cultural

 

SERVIÇO

Jaz 

De 4 a 20 de outubro de 2019. Sextas e sábados, 21h30. Domingos e feriados, 18h30

Sesc Belenzinho (Sala de Espetáculos I – 60 lugares)

Duração: 60 minutos

Não recomendado para menores de 18 anos

Ingresso: R$ 9,00 (credencial plena do Sesc – trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo credenciado no Sesc e dependentes) | R$ 15 (aposentado, pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e servidor de escola pública com comprovante) | R$ 30,00 (inteira).
Ingressos disponíveis pelo portal Sesc SP (www.sescsp.org.br) a partir de 24/9, às 12h, e nas bilheterias das unidades do Sesc a partir de 25/9, às 17h30.

 

 

Big Shoot 

De 25 de outubro a 10 de novembro de 2019. Sextas e sábados, 21h30. Domingos e feriados, 18h30.

Sesc Belenzinho (Sala de Espetáculos I- 60 lugares)

Duração: 90 minutos

Não recomendado para menores de 18 anos

Ingresso: R$ 9,00 (credencial plena do Sesc – trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo credenciado no Sesc e dependentes) | R$ 15 (aposentado, pessoa com mais de 60 anos, pessoa com deficiência, estudante e servidor de escola pública com comprovante) | R$ 30,00 (inteira).
Ingressos disponíveis pelo portal Sesc SP (www.sescsp.org.br) a partir de 15/10, às 12h, e nas bilheterias das unidades do Sesc a partir de 16/10, às 17h30.

 

Sesc Belenzinho

Endereço: Rua Padre Adelino, 1000.

Belenzinho – São Paulo (SP)

Telefone: (11) 2076-9700

www.sescsp.org.br/belenzinho

 

Estacionamento

De terça a sábado, das 9h às 22h. Domingos e feriados, das 9h às 20h.

Valores para espetáculos pagos, após as 17h: R$ 7,50 (Credencial Plena do Sesc – trabalhador no comércio de bens, serviços e turismo). R$ 15,00 (não credenciados).

 

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado

*