Mostra solos em confinamento reúne 20 trabalhos criados na quarentena

EM REDE – “(das) tripas (coração) – mostra solos em confinamento” reúne 20 trabalhos criados na quarentena. Com direção de Nelson Baskerville, 16 atrizes e 4 atores trazem suas questões mais íntimas e urgentes criadas no isolamento de suas casas durante a pandemia. Participam Luisa Arraes, Anna Hartmann, Paula Possani, Estrela Straus, Julia Ianina, Carolina Borelli, Pri Calazans, Letícia Bassit, Erika Puga, Carolina Mânica , Júlia Ribeiro, Ligia Fonseca, Tamara Maria Cardoso, Luiz Campos, Natasha Sonna, Frederico Mendonça,Tales Penteado, Maria Eduarda Pecego e Ricardo Nash. Estreia 2 de outubro, sexta-feira, em curta temporada digital, de um fim de semana, até 5 de outubro, sempre às 21h.

A gestação de si mesma, no de Luísa Arraes; a reparação de uma boneca sem sexo no de Paula Possani; Um pedido de conversa com o Papa Francisco no de Júlia Ribeiro; a confissão de um policial no de Luiz Campos, O coração literalmente exposto através de seus batimentos no de Ana Hartmann. Denúncias, confissões, desejos, em sua forma mais íntima.


Os solos, que acontecem ao vivo via Sympla Streaming, são divididos em quatro salas ou tripas (Tripa 1 – Denúncias ou Nomes Sobre Mim; Tripa 2 – Confissões ou Coração; Tripa 3 – Revoluções ou Cuidado:Buracos! e Tripa 4 – Gestações ou Remother) que se conectam na intimidade.

O público entra inicialmente em uma antessala comum e, nos quinze minutos anteriores a sessão, escolhe a qual tripa quer assistir. Cada um é redirecionado à sala específica que escolheu e, ao final, todos se juntam novamente para participar de uma mesma conversa. A escolha das salas é sujeita a lotação, por isso a necessidade de acessar o link com antecedência. A duração total é de 1h15 e mais 15 minutos de bate-papo.

Com um grande elenco, a mostra (das) tripas (coração) é o resultado da oficina “Solos em Confinamento – Dramaturgia em pequenos formatos” criada por Nelson Baskerville especialmente para o projeto de Oficinas de Montagem Inbox Cultural.

Tripa 1: “Denúcias ou Nomes Sobre Mim”
Barba Azul Ligia Fonseca
Cabra que Lambe Sal Letícia Bassit
Maria Velata Maria Eduarda Pecego
Verme Luiz Campos
Nomes Sobre Mim Ricardo Nash

Tripa 2: “Confissões ou Coração”
O Pântano Frederico Mendonça
O Coração Chega Antes Carolina Mânica
Baby Te Amo Nem Sei Se Te Amo Erika Puga
Eu sou negra? Pri Calazans
Pulso-coração Anna Hartmann

Tripa 3: “Revolução ou Cuidado: Buracos”!
Cloro Tales Penteado
#HolaPapa Júlia Ribeiro
Cortei o Dedo Tamara Maria Cardoso
Abuela Natasha Sonna
A Boneca sem Buceta Paula Possani

Tripa 4: “Gestações ou Remother”
A vida é sonho ou o contrário? Julia Ianina
Romã Carolina Borelli
Mãe, eu sobrevivi!!! Estrela Straus
Nunca Estive Aqui Antes Luisa Arraes
Cabra que Lambe Sal Letícia Bassit

(das) tripas (coração) – mostra solos em confinamento
(das) tripas (coração) – solos em confinamento
Direção: Nelson Baskerville
Criação: Anna Hartmann, Carolina Borelli, Carolina Mânica, Erika Puga, Estrela Straus, Frederico Mendonça, Julia Ianina, Júlia Ribeiro, Letícia Bassit, Ligia Fonseca, Luisa Arraes, Luiz Campos, Maria Eduarda Pecego, Natasha Sonna, Paula Possani, Pri Calazans, Ricardo Nash, Tamara Maria Cardoso, Tales Penteado.
Direção técnica: Juracy de Oliveira
Operação técnica: Carolina Bellezi, Letícia Crozara, Maurício Lima, Natally do Ó, Ronaldo Fernandes.
Arte Gráfica: Nelson Baskerville, Juliana Poggi e elenco
Comunicação Digital: Juliana Poggi
Montagem do Clipe: Tales Penteado
Trilha do Clipe: Ricardo Nash
Arte do Clipe: Juliana Poggi
Assessoria de Imprensa: Adriana Monteiro – Ofício das Letras
Produção: Letícia Crozara, Letícia Rocha
Assistência de produção: Carolina Bellizzi
Direção de Produção: Júlia Ribeiro e Kauê Telolli
Concepção: Nelson Baskerville
Parceria: Pandêmica Coletivo Temporário de Criação
Realização: Inbox Cultural

Ficha técnica por solo:

Barba Azul Ligia Fonseca
Cabra que Lambe Sal Letícia Bassit
Maria Velata Maria Eduarda Pecego
Iluminação e câmera: Ohana Ribeiro
Orientação de movimento: Renan Banov
Verme Luiz Campos
Nomes Sobre Mim Ricardo Nash
Consultoria de áudio: Diego Rodda
O Pântano Frederico Mendonça
O Coração Chega Antes Carolina Mânica
Baby Te Amo Nem Sei Se Te Amo Erika Puga
Fotografia, luz e assistente de direção: Jeyne Stakflett
Eu sou negra? Pri Calazans
Contra regra: Tati Medeiros
Pulso-coração Anna Hartmann
Cloro Tales Penteado
Cinematografia: Flavio Guedes.
#HolaPapa Júlia Ribeiro
Colaboração: Thiago Guerra
Cortei o Dedo Tamara Maria Cardoso
Sonoplastia: Felipe Gomes
Iluminação e Câmera: Daniel Ammirante
Abuela Natasha Sonna
A Boneca sem Buceta Paula Possani
A vida é sonho ou o contrário? Julia Ianina
Ator e trilha sonora : Arthur Decloedt
Romã Carolina Borelli
Mãe, eu sobrevivi!!! Estrela Straus
Câmera: Conrado Vidal e Helder Tavares
Nunca Estive Aqui Antes Luisa Arraes

Serviço:
(das) tripas (coração) – mostra solos em confinamento Estreia 2 de outubro, sexta-feira, em curta temporada digital, de um fim de semana, até 5 de outubro, sempre às 21h
https://www.sympla.com.br/das-tripas-coracao—solos-em-confinamento__995719
Cada tripa tem duração de 1h e 15min e mais 15min de conversa
As apresentações são simultâneas
Sistema “Pague quanto puder”
Cada sala comporta 70 pessoas
Indicação para maiores de 18 anos – nudez e temas como morte, suicídio, sexo, violência

Kyra Piscitelli

Kyra Piscitelli é jornalista formada pela Universidade Metodista de São Paulo e fez pós-graduação em Globalização e Cultura pela Faculdade de Sociologia e Política de São Paulo (FESPSP). Escreve sobre teatro e arte desde de 2009. Integra os Juris da Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA) e do Prêmio Aplauso Brasil. Ávida por conhecimento, se não está em viagem ou estudo, só há um lugar para achá-la: o teatro!