Musical que retrata o universo das canções de Odair José re-estreia no CCBB

Nanda Rovere, do Aplauso Brasil (Nanda@aplausobrasil.com)

AS CANÇÕES DE ODAIR JOSÉ
AS CANÇÕES DE ODAIR JOSÉ

SÃO PAULO – Eu Vou Tirar Você Deste Lugar – As Canções de Odair José re-estreia no CCBB (Centro Cultural Branco do Brasil), após uma temporada de sucesso no final do ano passado no mesmo local. Os personagens são inspirados no universo de suas músicas. Com dramaturgia e direção de Sérgio Maggio e supervisão musical de Odair José, a montagem traz como protagonista a vedete negra Watusi, a primeira brasileira a estrelar nos shows do Moulin Rouge em Paris, que faz o seu primeiro trabalho como atriz. A curtíssima temporada começa quinta (8) e termina no dia 19.

O musical traz 20 sucessos de Odair José, um dos grandes nomes da nossa MPB que carrega o título de cantor brega e já chegou a vender 10 milhões no decorrer de mais de quatro décadas de dedicação à música.

As suas composições são admiradas por artistas como Caetano Veloso, Zeca Baleiro e Tribalistas, demonstrando que a sua obra tem qualidade melódica e letras interessantes.

AS CANÇÕES DE ODAIR JOSÉ
AS CANÇÕES DE ODAIR JOSÉ

O autor e diretor Sérgio Maggio declara que tensões políticas e jogos de costumes conduzem a narrativa de uma comédia musical inspirada em gêneros populares como o teatro de revista, a estética das antigas companhias de teatro no Brasil, a chanchada e os folhetins.

O espetáculo não é biográfico, uma característica que merece ser ressaltada porque a produção foge dos tradicionais musicais com teor documentarista que estão fazendo sucesso no palco, muitos deles de excelente qualidade, vale frisar, mas que acabam virando uma espécie de ¨grife¨ e trazendo estruturas narrativas óbvias.

AS CANÇÕES DE ODAIR JOSÉ
AS CANÇÕES DE ODAIR JOSÉ

Em cena estão empregadas e prostitutas, tipos que habitam o universo criativo do compositor e vivem situações românticas e passionais.  O elenco vive os personagens com competência e contribui para que a encenação seja leve e divertida.

A história começa no ano de 1923, quando a cortesã Nenê Romano é assassinada por um jovem e renomado advogado. O fato choca toda a sociedade paulistana.

A trama segue para o ano de 1973, auge da ditadura militar no Brasil. Nessa época, um jovem almeja ser um famoso compositor de rock. Ele foge de casa em busca do sucesso porque o seu pai, um famoso advogado, é conservador e não aceita os seus ideais libertários.

No repertório, canções como Eu vou tirar você deste lugar, Cadê Você e Pare de tomar a pílula revelam que além de grande  teor romântico, a obra de Odair José sofre influência do rock, tanto que nos anos 70 as suas criações foram comparadas à sonoridade das composições de Bob Dylan.

Ficha Técnica

Patrocínio: Banco do Brasil

Realização: Centro Cultural Banco do Brasil

Dramaturgia e direção: Sérgio Maggio

Supervisor musical: Odair José

Elenco: Watusi, Jones de Abreu, Camila Guerra, Gabriela Correa, Luiz Felipe Ferreira, Rodrigo Mármore, Renato Milan e Tainá Baldez.

Músicos: Alex Souza, Renato Glória, William Gláucio e Vavá Afiouni

Diretor Musical: Alex Souza

Diretora de Movimento: Márcia Duarte

Diretor Assistente: Jones de Abreu

Provocadora Cênica: Aninha Franco

Cenógrafa: Maria Carmen Souza

Figurinista: Roustang Carrilho

Iluminação: Vinicius Ferreira

Programador Visual: Denise Simone Bacellar

Fotógrafo: Alexandre Magno

Operador de Som: Randal Juliano

Operador de Luz: Alex

Camareiro: Jô Nascimento

Diretor de Palco:  José da Hora

Assessoria de Imprensa: Bemelmans Comunicações

Admistrador Financeiro: Cleo Chaves

Produtora Executiva: Ana Paula Martins

Direção de Produção: Fernanda Signorini

Produção: Criaturas Alaranjadas e Signorinimkt Produções

LEIA TAMBÉM

ESPECTADOR PROFISSIONAL: ODAIR JOSÉ É HOMENAGEADO EM MUSICAL NO CCBB

Serviço:

Eu Vou Tirar Você Deste Lugar – As Canções de Odair José

 Temporada da reestreia – 8 a 19 de janeiro.

De quinta a segunda: quinta a sábado às 20h; domingo às 19h e segunda às 20h. Ingressos: R$ 10 (inteira) e R$ 5 (meia-entrada)

Local: Centro Cultural Banco do Brasil – São Paulo

Rua Álvares Penteado, 112 – Centro

CEP: 01012-000 | São Paulo (SP)

Fone: (11) 3113-3651

Funcionamento: quarta a segunda, 9h às 21h

www.bb.com.br/cultura

www.twitter.com/ccbb_sp

www.facebook.com/ccbbsp

Classificação indicativa: 14 anos

Duração: 90 minutos

Acesso e facilidades para deficientes físicos // Ar-condicionado // Cafeteria Cafezal

Estacionamento conveniado: Estapar Estacionamentos – Rua da Consolação, 228 (Edifício Zarvos) R$ 15,00 pelo período de 5 horas. Necessário validar o ticket na bilheteria do CCBB. Transporte gratuito até as proximidades do CCBB – embarque e desembarque na Rua da Consolação, 228 (Edifício Zarvos) e na Álvares Penteado, esquina com a Rua da Quitanda.

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado

*