Musical sobre Renato Russo volta a São Paulo

Luís Francisco Wasilewski, especial para o Aplauso Brasil (lfw@aplausobrasil.com)

Bruce Gomlevsky é "Renato Russo"

Neste ano são celebrados os 50 anos de nascimento do compositor e cantor Renato Russo. Um filme que conta a sua trajetória está sendo feito e acaba de ser lançado um livro onde diversos escritores inspirados por suas canções, escreveram contos. Uma outra bela homenagem a sua obra está de volta aos palcos paulistanos a partir do dia 2 de julho no Teatro Folha. Trata-se do espetáculo Renato Russo, monólogo musical escrito por Daniela Pereira de Carvalho e interpretado por Bruce Gomlevsky.

A trajetória pessoal e artística do cantor e compositor, ícone da história do rock brasileiro, de personalidade indomável, porta-voz dos anseios, angústias, amores e valores de toda uma geração, é um dos grandes sucessos recentes do teatro brasileiro. O espetáculo conquistou o Prêmio Shell (RJ-2006) de melhor direção, que é assinada por Mauro Mendonça Filho.

A peça traz uma biografia não-linear do artista desde sua adolescência, em Brasília, até o estrelato. São 22 músicas, com a participação de uma banda ao vivo, interpretadas por Bruce Gomlevsky que apresenta um trabalho interpretativo que impressiona por atingir uma semelhança espantosa com o músico. Quem já assistiu não esqueçe a maneira com que Bruce representa o artista.

A trajetória do espetáculo passa pela banda Aborto Elétrico, aborda as dores e alegrias vividas com a Legião Urbana, a chegada do filho Giuliano, a declaração assumindo a homossexualidade e o desejo de recolhimento após a descoberta de Renato de que era soropositivo.

Segundo o ator protagonista, o espetáculo “é uma grande homenagem a um artista brilhante que influenciou todo o país, sobretudo, por sua postura ética e artística num país como o Brasil, tão cheio de dificuldades. Artistas da magnitude de Renato Russo são cada vez mais raros num mundo que privilegia celebridades instantâneas e assuntos superficiais”, afirma Bruce Gomlevsky, autor da ideia do projeto.

O espetáculo é resultado de uma pesquisa minuciosa feita pelo ator e pela autora. Os dois basearam-se em materiais de Renato Russo e sobre ele – letras, depoimentos, entrevistas dele e de parentes, matérias jornalísticas, livros e imagens de shows. O espetáculo conta com muitas citações literais do músico e foi cuidadosamente concebido para mostrar os fatos mais marcantes de sua trajetória. A autora Daniela Pereira de Carvalho escreveu depois de Renato Russo o musical sobre as carreiras de Tom Jobim e Vinicius de Moraes, outro êxito entre os musicais que recuperam a riqueza da música brasileira.

FICHA TÉCNICA

Idealização, Interpretação e Pesquisa: Bruce Gomlevsky

Dramaturgia e Pesquisa: Daniela Pereira de Carvalho

Colaboração na Dramaturgia: Mauro Mendonça Filho e Bruce Gomlevsky

Direção Geral: Mauro Mendonça Filho

Direção Musical: Marcelo Neves

Iluminação: Wagner Pinto

Cenógrafo: Bel Lobo e Bob Neri

Figurino: Jeane Figueiredo

Direção de Produção: Elisa Padilha, Bruce Gomlevsky

Realização: Julia Carrera e Bruce Gomlevsky

SERVIÇO

Local: Teatro Folha

Estreia: 2 de julho

Temporada: até 15 de agosto

Horários: Sexta, 21h30, sábado 21H e domingo, 20H

Ingressos: Sexta e domingo – R$ 40(setor 2) e R$50 (setor 1) / Sábado – R$50 (setor 2) e R$60 (setor 1)

Duração: 120 minutos

Classificação indicativa: 14 anos

TEATRO FOLHA

Shopping Pátio Higienópolis

Av. Higienópolis, 618 / Piso 2 / tel: (11) 3823-2323 (11) 3823-2323

Televendas: (11) 3823-2737 (11) 3823-2737 Site: www.teatrofolha.com.br

Vendas por telefone e internet/ Capacidade: 305 lugares / Não aceita cheques / Aceita os cartões de crédito: todos da Mastercard, Redecard, Visa, Visa Electron e Amex / Estudantes e idosos têm os descontos legais / Clube Folha 25% desconto / Horário de funcionamento da bilheteria: de terça a quinta, das 15h às 21h; sexta, das 13h às 24h, sábado, das 12h às 24h e domingo, 12h às 20h / Acesso para deficientes físicos / Ar condicionado

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.