O poético espetáculo O And@nte faz a sua última sessão em São Paulo

Nanda Rovere, especial para o Aplauso Brasil (redacao@aplausobrasil.com.br)

 

Elias Andreato é “O And@nte”

SÃO PAULO – Em O And@nte, Elias Andreato faz um homem que anda pelo mundo a catar palavras e que tenta driblar a solidão. Carrega consigo um carrinho de apetrechos, que acompanham a sua jornada em busca do conhecimento. A peça finaliza a temporada paulistana na próxima quinta (13), no Teatro Eva Herz. Reestreia no mesmo espaço em 2 de fevereiro de 2013, abrindo um horário novo (sábados, às 18h). A direção é de Elias Andreato e André Acioli. Trilha original de Daniel Maia. A iluminação é de Wagner Freire e Elias Andreato assina o figurino e a cenografia.

 Andreato é um louco iluminado pelo prazer da leitura que traz ao público muita poesia.  O And@nte faz uma compilação de diversas obras. Os retalhos de frases colhidas por Elias ganham sentido na medida em que o andante/ mendigo mostra ao público que a arte e a vida sem um pouquinho de loucura, e sem entrega, não têm graça nenhuma.

O And@nte é oitavo monólogo do ator.  Andreato se entrega com muita emoção ao personagem, mais lúcido do que muitas pessoas que passam a vida com valores secundários e não prestam atenção na beleza do sonho, das palavras, da amizade, da arte, enfim, não dão valor à vida.

Elias Andreato dá uma aula de entrega ao ofício do ATOR. A emoção brota no olhar, nos movimentos em cena e no mergulho que ele faz na alma do personagem.

A direção realça a poesia do texto e todos os elementos cênicos contribuem para que o espetáculo desperte a sensibilidade do espectador para prestar atenção no que o outro diz, já que devido à correria do cotidiano muitas vezes não há tempo para ouvirmos as pessoas que estão ao nosso lado.

O cenário e a luz nos transportam para um mundo de sonhos e delírios e a trilha sensível de Daniel Maia ¨casa¨ perfeitamente com a encenação.

O bonito figurino, vale ressaltar, tem inspiração em Arthur Bispo do Rosário e em outros artistas que conseguem criar com simplicidade, verdade e que captam do cotidiano detalhes interessantes para construírem as suas obras.

[slideshow id=1]

Ficha Técnica:

Texto e Roteiro: Elias Andreato

Direção: André Acioli e Elias Andreato

Trilha Original: Daniel Maia

Iluminação: Wagner Freire

Figurino e cenografia: Elias Andreato

Logo: Elifas Andreato

Programação Visual: Vicka Suarez

Fotos: João Caldas

Realização: Andreato’s & Morente Forte

Serviço:

O And@nte

De 18 de outubro a 13 de dezembro de 2012

Quintas, às 21h

(Reestreia em 2 de fevereiro de 2013, sábados às 18h)

Duração: 60 minutos

Faixa etária: Recomendado para maiores de 12 anos

Ingresso: R$ 50

Teatro Eva Herz – Livraria Cultura Unidade: Conjunto Nacional

Endereço: Av. Paulista, 2073 – Bela Vista – São Paulo/SP. Tel. (11) 3170-4059

www.teatroevaherz.com.br/

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado

*