Relicário Inventado marca estreia de Bernardo Fonseca Machado e Vitória Cohn

Ator e mestrando em Antropologia na USP e filha de Lígia Cortez e Ulisses Cohn, iniciam carreira profissional co o dramaturgo/ diretor e atriz, respectivamente

Redação do Aplauso Brasil (aplauso@gmail.com)

SÃO PAULO – Em lugar do desconforto que o esquecimento pode provocar, Relicário Inventado, primeiro texto escrito e dirigido pelo ator e pesquisador Bernardo Fonseca Machado, cuja estreia será na próxima sexta-feira (7), no Teatro Coletivo, o foco da peça é encontrar prazer na possibilidade de inventar uma memória. Relicário Inventado marca, também, a estreia profissional da atriz Vitória Cohn, filha de Lígia Cortez e Ulisses Cohn.

O enredo coloca Ícaro, um garoto que perdeu mãe e namorada, Joana e Clarissa respectivamente, tentando se lembrar de ambas, contando com a ajuda de seu amigo, Ulisses. Mas a memória real das relações entre eles é afetada pela invenção de novas realidades ou memórias.

No elenco estão, além de Vitória, Adriano Merlini, Bianca Sgai Franco e Rodrigo Duarte.

Ficha Técnica

Produção Executiva: Adriana Sá Moreira

Assistente de produção: Carolina Kruchin

Cenografia: Miguel Aflalo

Comunicação: Fernando Motta

Figurino: Alex Kazuo

Iluminação: Sofia Boito

Intérpretes: Arnaldo Janiak e Gustavo Vellutini

Trilha Sonora: Gustavo Vellutini

SERVIÇO
RELICARIO INVENTADO
Temporada
: Até 30 de Outubro – Sextas e Sábados às 21h e Domingo às 20h
Local: Teatro Coletivo
Gênero: Drama
Duração: 70 minutos
Recomendável para maiores de 12 anos
Não é permitida a entrada após o início do espetáculo.
Ingressos à venda na bilheteria do teatro ou através de reservas no site www.relicarioinventado.com.br (caso for esta a opção escolhida, é necessário chegar 30 minutos antes do espetáculo para garantir seu ingresso).
R$;30,00 R$ 15,00 (maiores de 60 anos e estudantes com carteirinha);
• Teatro Coletivo:
Telefone: (11) 3255-5922 – Rua: Rua da Consolação,1623 – CEP: 01301-100
(Próximo às estações de metrô Consolação e Marechal Deodoro)

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.