SÃO PAULO – A comovente história de vida de João Carlos Martins, exemplo de superação física e emocional, depois de já ter sido retratada em documentários e no longa-metragem de Mauro Lima João, o Maestro, ganha agora uma versão teatral. Com dramaturgia de Sérgio Roveri e direção de Cassio Scapin, Concerto para João faz um recorte na trajetória de vida do pianista e maestro, concentrando-se no momento de uma de suas 23 cirurgias em que João precisou ficar 9 horas em vigília para responder a estímulos enquanto a equipe médica operava seu cérebro. A trama se passa entre o real e os sonhos do maestro, que revê os momentos mais importantes de sua existência. O ator Rodrigo Pandolfo, que já havia interpretado o maestro no cinema, retoma o personagem agora nos palcos e divide a cena com Duda Mamberti, Ando Camargo e Michelle Boesche.

Um pianista renomado no mundo inteiro — gravou a obra completa para piano do compositor Johann Sebastian Bach, João Carlos Martins é exemplo de superação: após os problemas físicos que provocaram atrofia dos movimentos das mãos, tornou-se maestro (também renomado) e criou a Bachiana Filarmônica SESI-SP com jovens carentes. Estes fatos marcantes da vida de João Carlos, dentre outros, são relembrados no espetáculo não de forma cronológica, mas por meio de um jogo que mistura realidade e sonho.

“Procurei um recorte para contar a história dele e achei que a cirurgia no cérebro era o acontecimento perfeito para lidar com as questões da memória do maestro, de seus medos e superações. Assim, no plano real, a peça se passa nos dias em que ficou internado, mas na imaginação do maestro há toda uma vida sendo passada em revista. Apesar do talento comprovado e reconhecido dele, o que mais me inspirou foram os momentos em que o João se viu privado deste talento. Ao conduzir a história por este caminho, a peça deixa de falar apenas dele e passa a falar de todo artista que, de repente, se vê impedido de realizar sua arte”, diz Sérgio Roveri.

Com cenário dos irmãos Chris e Nilton Aizner de poucos elementos (destaque para o esqueleto do piano que é movido pelos atores), a montagem intercala sem cronologia tanto os momentos reais da vida do maestro como os sonhos dele. Só com o desenrolar da trama que o espectador consegue distinguir o que é realidade e o que são devaneios do artista, assim como os personagens reais (o médico vivido por Mamberti), e os oníricos (as mulheres da vida de João reunidas numa única personagem, interpretada por Michelle, e o enigmático senhor que dialoga com o artista várias vezes, vivido por Ando).

Mais do que uma boa história, o que emociona o público é a forma de contar esta história. E no caso de Concerto para João é exatamente isto que acontece: a trajetória de João Carlos Martins, já tendo sido revelada de diversas maneiras, ganha nova dimensão pelas mãos do dramaturgo e pela concepção cênica do diretor (a cena em que o paciente contracena com o médico tendo um painel espelhado entre eles é impactante). E a atuação dos atores é o que sedimenta o espetáculo: Rodrigo Pandolfo, que já havia brilhado em Pi- Panorâmica Insana, de Bia Lessa, novamente mostra todo o seu potencial, numa interpretação visceral na pele do pianista e maestro. Ando Camargo nas cenas finais, num dueto com o protagonista, também emociona e cativa a plateia. Sem dúvida, mais um grande espetáculo em cartaz na cidade e outra homenagem mais do que merecida ao maestro paulistano.

Roteiro:
Concerto para João. Texto: Sérgio Roveri. Direção: Cassio Scapin. Elenco: Rodrigo Pandolfo, Michelle Boesche, Ando Camargo e Duda Mamberti. Cenário: Chris Aizner e Nilton Aizner. Figurino: Fabio Namatame. Trilha sonora: Daniel Maia. Iluminação: Marisa Bentivegna. Direção de produção: Carlos Mamberti. Fotografia: Ale Catan. Realização: Geradora Teatral e CD4 Produções.
Serviço:
Teatro FAAP (510 lugares), Rua Alagoas, 903, tel. 11 3662-7233. Horários: sexta e sábado às 21h e domingo às 18h. Ingressos: R$ 75 e R$ 37,50. Duração: 80 minutos. Classificação: livre. Temporada: até 02 de dezembro.

* Maurício Mellone publicou o texto no www.favodomellone.com.br – parceiro do Aplauso Brasil