Resenha: “O Louco e a Camisa” é Espetáculo Preciso e Precioso

SÃO PAULO – Em um conflito social, muitas vezes familiar, quem é o louco? O Louco e a Camisa, de Nelson Valente, coloca em evidência o conflito familiar, a falta de humanidade, e a incapacidade de se colocar no lugar do outro, perceber o outro. A indagação do que é a loucura (se o louco de fato é louco por possuir mais sanidade mental do que os outros, ou se é verdadeiramente louco), se transforma em questão essencial para se pensar a sociedade.

Antes de estrear no Brasil, tornou-se sucesso na Argentina e já está em sua nona temporada em Buenos Aires, como El loco y la camisa’, além de já ter circulado no Chile, Itália, França, Espanha, Portugal e Estados Unidos.

Nessa montagem Brasileira contamos com um elenco ágil e certeiro em seu jogo cênico formado pelos talentosos Leonardo Miggiorin, Priscilla Squeff, Guilherme Gorski, Ricardo Dantas e Rosi Campos, cujo delicado trabalho esteve sempre presente durante a minha infância. Vê-la em cena, sempre com tanta qualidade artística, é emocionante. A limpeza na direção de Elias Andreato, e a equipe que não deixa rastros negativos, possibilita ao público um espetáculo muito preciso.

 

FICHA TÉCNICA

Texto: Nelson Valente 
Tradução: Priscilla Squeff 
Direção: Elias Andreato 
Elenco: Rosi Campos, Leonardo Miggiorin, Priscilla Squeff, Guilherme Gorski, Ricardo Dantas 
Trilha original: Jonatan Harold 
Cenário e figurinos: Elias Andreato 
Iluminação: Cleber Eli 
Maquiagem e visagismo: Dicko Lorenzo 
Assistente de direção: Lucas abdo 
Produção de objetos e figurino: Néctar Cultural 
Contra-regra: Lucas Dornellas 

Operador de luz e som: Hermas Germek 
Camareira: Silvia Peake 
Arte: Ale Pessôa 
Fotografia: Caio Gallucci 
Vídeos de divulgação: Jady Forte e Desteatrando 
Assessoria de imprensa: Morente Forte 
Idealização: Priscilla Squeff 

 

Equipe de Produção 
Produção: Danny Oliveira, Leandro Luna e Priscilla Squeff 
Assistente de Produção: Diogo Villa Maior 
Realização: Néctar Cultural

SERVIÇO

Gênero: Comédia Dramática 
Duração: 60 minutos
Classificação Etária: 12 anos 
Quartas e Quintas, às 21h

até 3 de maio.

INGRESSOS

Plateia: R$ 60,00 | R$ 30,00 (meia-entrada) 
Balcão: R$ 40,00 | R$ 20,00 (meia-entrada) 
Frisas: R$ 40,00 | R$ 20,00 (meia-entrada) 

 

Teatro Porto Seguro (508 lugares)

Al. Barão de Piracicaba, 740 – Campos Elísios

Informações: (11) 3226.7310

Resenhista e articulista

Vitor Fadul, especial para o Aplauso Brasil (redacao@aplausobrasil.com.br)

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado