TEATRO FOLHA REALIZA A 26ª EDIÇÃO DO FESTIVAL DE FÉRIAS

o_alvo_parte_1_lila_batista2Fernando Pivotto, para o Aplauso Brasil (fernando@aplausobrasil.com.br)

SÃO PAULO – Começa no dia 02 de janeiro a 26ª edição do Festival de Férias do Teatro Folha. A tradicional programação oferece ao público, até 29 de janeiro, apresentações de espetáculos infantis todos os dias da semana.

Ao todo, o Festival apresentará nove montagens, garantindo diversidade de estilos e linguagens. Para crianças a partir de 03 anos, serão oferecidas as peças Os Saltimbancos (sábados e domingos, às 16h, de 07 a 29 de janeiro) e Pluft, o Fantasminha (segundas, às 16h, de 02 a 23), além dos clássicos João e Maria (quartas, às 16h, de 04 a 25), Os Três Porquinhos (sábados e domingos, às 17h40, de 07 a 29) e uma reimaginação de Branca de Neve com trilha sonora dos Beatles (quintas, às 16h, de 05 a 26).

Para o público a partir de 6 anos, as ofertas são Watchatchá, Um Viagem Pela Ciência (terças, às 16h, de 03 a 24) e o freak show O Imprevisível Circo da Lua (sextas, às 16h, de 06 a 27), homenagem à história do circo.

Outro destaque na programação do Festival é a inclusão de espetáculos jovens. São eles O Alvo Parte 1 – Ser ou Não Ser o Centro das Atenções (segundas, às 17h30, de 09 a 23) e O Alvo Parte 2 – Hateclub (segundas, às 19h, de 09 a 23). Dividido em duas partes, o projeto discute bullying ao acompanhar a história de cinco garotas e sua relação com o acidente sofrido pela “menina mais zoada do colégio”.

FESTIVAL DE FÉRIAS DO TEATRO FOLHA
De 02 a 29 de janeiro. Segundas, às 16h (a partir do dia 09 de janeiro, sessões também às 17h30 e 19h); de terça a sexta, às 16h; sábado e domingo, às 16h e 17h40.
Ingressos: R$ 40,00
Teatro Folha. Shopping Pátio Higienópolis. Av. Higienópolis, 618.

Segundas, 16h.
Pluft, O Fantasminha. Pluft é um fantasma que tem medo de pessoas, mas que acaba fazendo amizade com a menina Maribel, que foi sequestrada pelo Pirata Perna de Pau.
Texto de Maria Clara Machado e direção de Ivo Ueter.

Segundas, 17h30.
O Alvo Parte 1 – Ser ou Não Ser o Centro das Atenções.
Cinco garotas populares esperam na sala da diretoria para explicar o acidente ocorrido com “a menina mais zoada do colégio”.
Texto e direção de Pedro Garrafa.

Segundas, 19h.
O Alvo Parte 2 – Hateclub.
Após o acidente sofrido pela “menina mais zoada do colégio”, as cinco garotas mais populares da escola agora são vítimas de cyberbulling.
Texto e direção de Pedro Garrafa.

Terças, 16h.
Watchatchá, Uma Viagem Pela Ciência
.  Produção da Mad Science, franquia canadense que explora o lado divertido da ciência, o espetáculo apresenta dois cientistas malucos e três auxiliares que mostram à plateia como a ciência faz parte do dia-a-dia das pessoas.
Direção de Marcelo Klabin.

Quartas, 16h
João e Maria.
Adaptação da Cia. Le Plat du Jour para o clássico dos Irmãos Grimm. Conta a história de dois irmãos, João e Maria, que se perdem na floresta e acabam encontrando a casa de uma bruxa. A adaptação ainda trata de ecologia, ao apresentar dois pássaros que estão em perigo graças ao desmatamento.
Direção e adaptação de Alexandra Golik e Carla Candiotto.

Quintas, 16h.
Branca de Neve.
Releitura da história de Branca de Neve, garota que, perseguida por uma bruxa má, encontra refúgio na casa de sete anões. Na montagem, seis atores dão vida aos personagens e manipulam bonecos que representam os anões.
Adaptação de Leandro Mariz para o original dos Irmãos Grimm. Direção de Leandro Mariz e Sabrina Korgut.

Sextas, 16h.
O Imprevisível Circo da Lua.
Homenagem à história do circo e livremente inspirado no universo de George Méliès, o espetáculo promete desvendar os mistérios e segredos guardados sob uma lona estelar e apresentar personagens como as gêmeas siamesas, o homem sem cabeça e a mulher mais gorda do mundo.
Concepção de Marcos Becker e Marilia Ennes e direção de Marion e Alex Brede.

Sábados e domingos, 16h.
Os Saltimbancos.  
Um jumento, uma galinha, um cachorro e uma gata formam um conjunto e partem para a cidade para tentar a vida como músicos.
Texto de Chico Buarque e direção de Fezu Duarte.

Sábados e domingos, 17h40.
Os Três Porquinhos.
Três porquinhos, um estudioso, o outro preguiçoso e a terceira medrosa, precisam pôr as diferenças de lado e se unir para se proteger de um lobo faminto.
Texto e direção de Pitty Webo.

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado

*