Terapeutas da Alegria seleciona voluntários em Itajaí

Inscrições seguem até o dia 4 de agosto, pela internet

Itajaí – O Terapeutas da Alegria, projeto institucional da Universidade do Vale do Itajaí (Univali), está com inscrições abertas para acadêmicos, professores, funcionários, profissionais e membros da comunidade interessados em atuar como voluntários. As inscrições seguem até o dia 4 de agosto e devem ser efetuadas pela internet, em www.terapeutasdaalegria.com/novidades.

Para participar do projeto o candidato passa pelo pr ocesso de seleção e por formação. Os requisitos para concorrer à vaga são: ter 18 anos ou mais até a data final das inscrições; ter disponibilidade para as reuniões semanais que ocorrem na Univali (Campus Itajaí), toda terça-feira, das 18h às 19h; ter disponibilidade para formações aos sábados, das 8h ás 12h. Após passar pela formação, os selecionados também precisam dispor de um dos horários de visitas dos terapeutas, que ocorrem em hospitais da região.

Os interessados devem preencher o formulário no site e após o dia 4, precisam acompanhar informes do projeto que serão enviados por e-mail, sobre o resultado e próximas fases da seleção e formação.

Terapeutas da Alegria

O projeto integra acadêmicos de diversos cursos da Univali. A iniciativa está voltada a humanização e sensibilização do ambiente hospitalar, no intuito de oferecer um ambiente de bem-estar aos pacientes hospitalizados nas unidades da região. Para tanto, os voluntários utilizam a música, o teatro clown e o bom humor como ferramentas facilitadoras nas relações de interação e implemento do vínculo entre o “terapeuta da alegria” e o paciente.

Mais informações: (47) 3341-7791, com Fabricio Beirão.

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.