Última chance para assistir atriz francesa de filmes consagrados no palco do SESC Belenzinho

Adriano Oliveira, especial para o Aplauso Brasil (adriano@aplausobrasil.com)

Carole Bouquet em cena do clássico "Esse Obscuro do Desejo", filme de Luís Buñuel

SÃO PAULO – Intérprete de obras-primas do cineasta surrealista Luís Buñuel, a atriz Carole Bouquet apresenta, apenas hoje no Teatro do SESC Belenzinho, o espetáculo Cartas a Génica, em que a atriz faz uma leitura de poemas, textos e cartas do teatrólogo Antonin Artaud.

O trabalho estreou em outubro de 2010 na França, consiste na aproximação do público com a obra de Artaud (1896 – 1948), em especial o contato com as cartas dirigidas a sua amada romena Génica Athanasiou. Carole responde pela seleção das cartas.

“Eu mesma selecionei as cartas, porque queria transmitir a beleza da escrita do Artaud, a sua força, o quanto ele escreve bem sobre dificuldades de viver e de amar”, conta a artista.

Sobre a interpretação dos textos, a protagonista que, também assina a direção, não se sente atuando e sim criando uma espécie de intimidade entre texto e público. O poeta e ator Antonin Artaud foi ligado fortemente ao surrealismo. Sua obra O Teatro e Seu Duplo é um dos principais escritos sobre a arte do teatro no século 20.

CARTAS A GENICA

Hoje, 18 h

Duração: 70 minutos

R$8 a R$32

SESC BELENZINHO

Endereço: Rua Padre Adelino, 1000

Belenzinho São Paulo (SP)

Telefone: 11- 2076-9700

www.sescsp.org.br/belenzinho

Michel Fernandes

Michel Fernandes, graduado em Jornalismo e pós graduado em Direção Teatral., escreveu de 2000 a 2012 críticas de teatro e reportagens para o iG. Em 2002 criou o Aplauso Brasil - www.aplausobrasil.com.br -, site voltado à noticias, resenhas e críticas teatrais, até hoje no ar. Integrante da APCA desde 2004, Michel Fernandes já esteve nas comissões do Prêmio Miriam Muniz, ProAC, Programa de Fomento ao Teatro de São Paulo, emtre outros Em 2012 criou o Prêmio Aplauso Brasil de Teatro. Em 2014 realiza Residência do Aplauso Brasil na SP Escola de Teatro. Em 2015 é crítico convidado da MITsp (Mostra Internacional de Teatro de São Paulo). Em 2016 é membro de comissão julgadora do Proac. Em 2017 faz parte do Conselho Consultivo do CCSP.

No Comments Yet

Leave a Reply

Seu email não será publicado

*