SÃO PAULO – Nosso singelo presente de natal à classe artística é abrir a votação dos indicados pelo segundo semestre da temporada 2017. Esta segunda semifinal – que tem as votações até as 23h59 do dia 24 de janeiro de 2018 -, da sexta edição do Prêmio Aplauso Brasil de Teatro teve alteração na bancada de Júri Técnico: saíram Fernando Pivotto e Luciana Schwinden, sendo substituídos por Michel Fernandes e Nanda Rovere que, juntamente, com Júlio César Dória, Kyra Piscitelli e Teca Spera decidiram dois dos indicados. Dois indicados foram escolhidos por voto popular e os outros dois escolhidos pela Comissão de Conselho, desta vez formada apenas por Edgar Olímpio de Souza e Vinício Angelici.

Mesmo enfrentando muitas dificuldades como a quantidade e qualidade de espetáculos em cartaz em brevíssimas temporadas na Cidade de São Paulo, admitimos que nem todos os espetáculos nos foi possível conferir e dos que foram assistidos, nem todos couberam em nossa lista, tamanha a qualidade do teatro que se pode conferir nesse semestre, o que nos deixa muito animados, já que com a crise brutal que esmaga muitos projetos teatrais, a criatividade e o desejo de se estar em cena é o antidoto que torna os espetáculos mais empolgantes, mais viscerais.

Quanto aos Espetáculos Para o Público Infantil e Jovem cinco dos que estão indicados são de curadoria de Júlio César Dória e o sexto indicado é o que teve o maior número de indicações populares.

As comissões são pautadas para a diversidade teatral, ou seja, procuramos dar espaço aos espetáculos cômicos, dramáticos, trágicos, tragicômicos, musicais, espetáculos de abrangência para o público que busca a diversão ou entretenimento, para o público que deseja refletir sobre o que vê, para o público que deseja empreender novas experiências estéticas, enfim, procuramos nos pautar na diversidade oferecida pelo próprio teatro e para o seu público.