WAGNER SCHWARTZ APRESENTA SOLO DE DANÇA INSPIRADO NO MOVIMENTO DAS PIRANHAS

Redação do Aplauso Brasil (redacao@aplausobrasil.com.br)

PIRANHA
PIRANHA

SÃO PAULO – O espaço Garagem do SESC Ipiranga recebe nos próximos sexta-feira (6) e sábado (7) o premiado solo de dança Piranha, inspirado no fluxo contínuo desses peixes que habitam as águas doces na América do Sul.

Criada em 2011, a montagem do brasileiro que vive entre Uberlândia, São Paulo e Paris mostra o artista se agitando nevralgicamente, entre uma dinâmica voluntária e involuntária, sitiado por uma composição de ruídos digitais.

PIRANHA
PIRANHA

Schwartz diz que em seu trabalho constam as relações interculturais de um estrangeiro em lugares a serem reconhecidos. “A reclusão voluntária é um tema presente na história de várias religiões e, também, na forma de vida de certos intelectuais, artistas e pesquisadores. A reclusão involuntária pode ser contextualizada no campo da loucura, da exclusão social, ou dos acidentes ambientais. A piranha é um peixe carnívoro de água doce dos rios da América do Sul. Sua principal característica é viver em bando. Na época das chuvas, na bacia amazônica ou em rios do pantanal, as águas chegam a invadir quilômetros de terra, formando pequenos lagos sazonais em que muitas piranhas ficam aprisionadas”, explica ele.

PIRANHA – Dias 6 e 7 de fevereiro, sexta-feira e sábado às 21 horas, na Garagem do Sesc Ipiranga. Criação, Performance e Seleção Musical – Wagner Schwartz. Iluminação – Coralie Pacreau e Diego Gonçalves. Recomendável para maiores de 14 anos. Capacidade – 80 lugares. Duração – 45 minutos. GRÁTIS (Retirada de ingressos com uma hora de antecedência).

SESC IPIRANGA – Rua Bom Pastor, 822 – Ipiranga. Telefone – (11) 3340-2000.Acesso para deficientes físicos. Bilheteria – De terça a sexta das 12 às 21 horas, sábado das 10 às 21h30 e domingo e feriado das 10 às 18 horas (ingressos à venda em todas as unidades do SESC). Não há estacionamento. www.sescsp.org.br.